Foi em janeiro de 2020 que Alexandre Guerra, 44 anos, decidiu dar início a um projeto com o qual sempre sonhou. Nessa altura, a pandemia ainda não era uma realidade por cá, mas pouco tempo faltava para que se tornasse o tema central da agenda mediática e a preocupação de todos.

Apesar de terem sido vários os negócios que este vírus afetou, Alexandre garante que no seu caso o impacto foi tudo menos negativo. No início do ano marcado pela pandemia nasce a Urban Jungle: a marca de plantas que já conquistou mais de 33 mil seguidores na rede social Instagram. 

Os cinco melhores sítios para comprar plantas em Lisboa e criar o seu próprio jardim caseiro
Os cinco melhores sítios para comprar plantas em Lisboa e criar o seu próprio jardim caseiro
Ver artigo

"Nós lançámos a loja online e logo de seguida surgiu a pandemia. O que aconteceu foi que, com a pandemia, esta tendência, que já vinha de outros países, acentuou-se e notámos que as pessoas procuravam mais este tipo de opções. Foi benéfico na parte online (acho que isso aumentou em todas as áreas), na parte dos projetos, tanto interiores como exteriores, houve um quebra, mas o aumento de vendas online acabou por compensar", explica o responsável pelo projeto à MAGG.

Alexandre Guerra trabalhou durante vários anos como engenheiro florestal numa empresa municipal e era o responsável pela gestão de espaços verdes, mas em 2020 decidiu que estava na altura de apostar num negócio só seu. "Fruto da necessidade de fazer algo novo tirei também um curso de marketing digital e aí surgiu a ideia de lançar este negócio online com a parte também dos projetos de consultoria", conta.

Agora, com o desconfinamento, sentiu novamente a necessidade de inovar e assim surgiu a primeira loja física da Urban Jungle que é já considerada pelos apaixonados por plantas como um dos espaços mais trendy do País nesta área. "A loja física acaba por ser uma  diversificação na área de negócio para não estarmos tão dependentes das alterações provocadas pelo confinamento ou desconfinamento." 

Segundo Alexandre Guerra, é notável que o confinamento acentua as vendas online. Contudo, nos períodos de desconfinamento descem bastante. "É natural porque depois as pessoas preferem ver as coisas ao vivo, então a loja física acaba por ser uma resposta a isso", explica.

Veja qual destas 28 plantas deve ter em casa de acordo com a sua personalidade e estilo de vida
Veja qual destas 28 plantas deve ter em casa de acordo com a sua personalidade e estilo de vida
Ver artigo

A loja fica na Rua José Elias Garcia (96), em Mafra, e aqui, além de encontrar mais de 80 espécies, vasos e acessórios pode ainda aprender a cuidar deste ser vivo que leva para casa.

"Já fizemos vários workshops e temos agora mais planeados. Existe bastante interesse das pessoas em aprender porque a verdade é que não chega comprar, depois temos de saber cuidar das plantas para não haver desilusões", diz Alexandre, referindo que as plantas não são todas iguais e, por isso, as pessoas devem perceber se têm condições em casa para determinada espécie; quais é que são as peças mais indicadas para quem está a iniciar; quais são os cuidados básicos a ter; e como integrar as plantas na decoração da casa.

Além da venda de artigos, online e presencial, que engloba plantas de interior e exterior, vasos e acessórios, a Urban Jungle faz também projetos de decoração. Se quiser que algum espaço da sua casa ou trabalho se torne numa selva citadina, pode sempre entrar em contacto com a marca e explicar o que deseja.  Depois do primeiro contacto, será feita uma visita ao local para avaliar o espaço, sem qualquer custo. De seguida é apresentado o projeto personalizado e a pessoa decide o que quer.

Para mais informações, pode sempre contactar a empresa através da página de Instagram ou do e-mail (info@urbanjungle.pt).

Subscreva a newsletter da MAGG.
Subscrever

As coisas MAGGníficas da vida!

Siga a MAGG nas redes sociais.

Não é o MAGG, é a MAGG.

Siga a MAGG nas redes sociais.

Fale connosco

Se encontrou algum erro ou incorreção no artigo, alerte-nos. Muito obrigado.