Este outono-inverno, as botas bicudas voltaram a ser tendência e, das montras das lojas aos perfis das influenciadoras, estão em todo o lado. Independentemente do tamanho do cano ou do salto, são bastante populares por se constituírem como um must-have em qualquer guarda-roupa. Podem ser conjugadas de inúmeras formas, resultando em visuais apropriados para qualquer ocasião que se atravesse na sua agenda.

Não sabe como incorporá-las no seu guarda-roupa? Nós ajudamos. E alerta, spoiler: sendo que podem ser usadas com praticamente todas as peças, há várias formas de poder arrasar com um par nos pés, só precisa de originalidade e, sobretudo, confiança.

No que diz respeito às botas com um cano mais baixo, pode usá-las com umas calças de ganga flare para um visual mais descontraído ou calças largas de alfaiataria, se quiser primar pelos apontamentos mais elegantes. Se estiver à procura de uma opção ainda mais pomposa, as saias ou vestidos (com comprimentos à sua escolha) serão os seus melhores amigos.

À medida que o cano for ficando mais alto, as partes de baixo poderão ir ficando proporcionalmente mais curtas, para que o calçado não perca o destaque que merece. No entanto, isto não é regra – até porque, caso decida usar umas calças, pode sempre pô-las para dentro das botas e dar-lhe-á um look mais arrojado.

O glitter continua! As novas botas cowboy de Carina Caldeira iluminam qualquer look de outono
O glitter continua! As novas botas cowboy de Carina Caldeira iluminam qualquer look de outono
Ver artigo

Ainda assim, pode sempre optar por conjugá-las com peças mais fluídas. Por exemplo, um vestido midi ou com saias de maior comprimento são opções perfeitas, porque o resultado é igualmente glamoroso (e, se estas peças tiverem uma racha, ainda melhor).

Tendo todas estas dicas em conta, a MAGG fez uma seleção para si. Da pele ao vinil, com cano médio ou bem alto, escolha as que mais combinam com o seu estilo. Uma coisa é certa: com um par destas botas, não há como não fazer furor.

Veja a fotogaleria.

As coisas MAGGníficas da vida!

Siga a MAGG nas redes sociais.

Não é o MAGG, é a MAGG.

Siga a MAGG nas redes sociais.

Fale connosco

Se encontrou algum erro ou incorreção no artigo, alerte-nos. Muito obrigado.