A paixão de Francisca Barroso e Rita Araújo, ambas com 24 anos, pela indústria da moda e o desejo de a tornar mais sustentável foi o motor do nascimento da Trend Circle, uma plataforma online de venda, compra e aluguer de peças de luxo em segunda mão, criada pelas duas amigas, que se conheceram no primeiro ano da faculdade.

Roupa fashion que não se passa a ferro. Tem de conhecer as leggings pensadas para todas as ocasiões
Roupa fashion que não se passa a ferro. Tem de conhecer as leggings pensadas para todas as ocasiões
Ver artigo

A ideia surgiu em 2019 na cabeça das agora fundadoras da Trend Circle, quando perceberam que existia espaço no mercado para juntar os dois esboços de projetos individuais que já tinham em mente: Rita queria criar um negócio de venda de roupa em segunda mão, enquanto Francisca estava mais focada no aluguer de peças.

Juntas, as amigas, licenciadas em Economia e atualmente no mestrado de Gestão, candidataram-se à primeira bolsa StartUp Voucher, em novembro de 2019, mas só venceram na edição do ano seguinte, conseguindo assim arrecadar fundos para fazer nascer o projeto. 

E o que é, afinal, a Trend Circle? Com o objetivo de atingir uma política de desperdício zero, nesta plataforma online os clientes podem comprar, vender e alugar produtos em segunda mão de gamas de luxo e premium, entre peças de roupa, calçado e acessórios. Existem produtos para o público masculino e feminino e uma equipa de especialistas que trata de autenticar todas as peças.

São diversas as marcas que a Trend Circle apresenta, tendo nomes como Gucci, Prada, Balenciaga, Ralph Lauren, Chloé, Valentino, Versace, Carolina Herrera, Louis Vuitton, Yves Saint Laurent, Burberry, entre outras.

Trend Circle
As peças são examinadas por especialistas antes de serem postas à venda ou disponíveis para aluguer.

Os preços são apelativos, dado que podemos encontrar descontos até 90% do valor original, sendo que os custos variam de acordo com o estado, marca, material, popularidade, antiguidade e modelo da peça em particular. Podem variar entre 17€ para uma pulseira Purificación García e 1.100€ para uma carteira em pele Chanel.

Relativamente ao público-alvo, as criadoras acreditam que os seus produtos são muito intemporais. Em conversa com a MAGG, Rita Araújo confessou estar enganada no público-alvo do projeto numa fase inicial, salientando acreditar que este iria abranger pessoas dos 18 aos 37 anos, mas acabou por perceber que as peças agradavam até à faixa etária dos 60.

Para além da venda da peças, a Trend Circle tem também serviço de aluguer, que conta com diversos produtos, desde vestidos Versace (9,50€ ao dia) a coletes Burberry (10,50€ ao dia). "Temos um catálogo de produtos para este efeito, normalmente mais associado a produtos de festa. E é simples, só tem que ir lá, escolher a data (que podem ser por períodos de quatro, sete ou 14 dias) e depois fazer o pagamento", explica Francisca Barros. A limpeza fica também a cargo da Trend Circle.

Trend Circle
Existem várias marcas de luxo disponíveis na plataforma, incluíndo Burberry.

Apesar de a plataforma ser online, a ideia de uma loja física não está de parte. Rita Araújo admite que já pensaram em avançar, dado que acreditam que os clientes têm "necessidade de experimentar" as peças. Francisca Barros acrescenta que as têm exibido em alguns showrooms no Porto, onde as pessoas podem conhecer e experimentar os produtos. Em breve, as fundadoras explicam ter a intenção de alargar estes eventos para outras zonas do País, como Lisboa, por exemplo.

Para o futuro, há a intenção de criar mais projetos, mas primeiro, as fundadoras querem cimentar a plataforma aos olhos dos consumidores. "Queremos ser uma marca de referência do mercado de segunda mão em Portugal", conclui Francisca Barros.

Subscreva a newsletter da MAGG.
Subscrever

As coisas MAGGníficas da vida!

Siga a MAGG nas redes sociais.

Não é o MAGG, é a MAGG.

Siga a MAGG nas redes sociais.

Fale connosco

Se encontrou algum erro ou incorreção no artigo, alerte-nos. Muito obrigado.