No parto, uma das coisas que mais preocupa a mulher é a possibilidade de ter, como consequência, algumas cicatrizes, que resultam da sutura dos tecidos que podem sofrer algum trauma com a saída do bebé, quer seja pelo canal de parto vaginal, quer seja por cesariana. Claro que também há hipótese de não sofrer qualquer tipo de trauma no parto, em que o períneo se mantém íntegro, por isso é que eu reforço sempre com os meus casais a consciência do períneo na gravidez, a aplicação da massagem perineal (quando é indicada) e um bom acompanhamento pela fisioterapia pélvica.

No caso do parto pela via abdominal (cesariana), é inevitável existir uma cicatriz. Porém, em ambos os tipos de parto, sempre que há cicatriz esta deverá ser cuidada.

Quando é que o meu bebé pode tomar o primeiro banho? E qual a melhor altura? Perguntas e respostas
Quando é que o meu bebé pode tomar o primeiro banho? E qual a melhor altura? Perguntas e respostas
Ver artigo

Eu bem sei que não é um cuidado fácil, pois implica olhar, mexer e interiorizar o parto que vivemos, o luto com tudo o que deixámos para trás, eu sei, meninas. Mas esta cicatriz, se não for cuidada, pode trazer problemas físicos e desconfortos a curto/médio prazo, impactando a vossa qualidade de vida. Mas respirem fundo que eu vou ajudar-vos a perceber melhor como cuidar do períneo. Até porque a vagina foi feita para isto e regenera muito bem, meus amores, nada temam!

O que fazer:
- Lavar regularmente o períneo com água fria.
- Evitar usar em excesso detergentes ou produtos de higiene íntima, não utilizando o mesmo no interior da vagina.
- Secar bem, com secador no modo frio, e, se for mais confortável, com uma toalha fofinha que deverá ser de uso exclusivo para este fim e mudada regularmente.
- Aplicar frio várias vezes ao dia, durante cerca de 3, no máximo, 15 minutos. Protejam a mucosa do frio, com uma compressa enrolada à volta do gelo, pois este pode ser abrasivo. Eu gosto de deixar a dica de humedecer um penso de pós-parto com água ou infusão de camomila e deixar a congelar algumas horas no frigorífico, para depois aplicar diretamente no períneo com uma compressa por cima.

Normalmente os pontos caem sozinhos ao fim de 2/3 semanas, mais ou menos. Mas é importante ir espreitando com o espelho ou pedir a alguém da vossa confiança para dar um check.

Após caírem todos os pontos, podem começar a massajar suavemente a zona com o mesmo óleo da massagem perineal (um óleo vegetal, tipo óleo de coco, ou um produto para o mesmo fim) com o dedo polegar e indicador, como se fossem falar de dinheiro (sabem aquele gesto que fazemos quando falam de dinheiro?).

Agendem também a vossa consulta de fisioterapia pélvica, amores. Será superimportante!

Atenção, não é suposto esta zona estar muito dolorosa, apresentar tumefação, cheirar mal ou haver saída de pus. Quem teve parto por cesarina também deve cuidar do eu períneo.

Uma higiene cuidada e troca de peno regular e observação do fisioterapeuta pélvico será igualmente necessário. Relembro que sempre que há uma cicatriz é preciso cuidar dela!

Para mais informações consultem meu site www.enfcarmenferreira.pt

As coisas MAGGníficas da vida!

Siga a MAGG nas redes sociais.

Não é o MAGG, é a MAGG.

Siga a MAGG nas redes sociais.

Fale connosco

Se encontrou algum erro ou incorreção no artigo, alerte-nos. Muito obrigado.