Uma dor de barriga, um incómodo nas costas, uma pressão no peito ou uma enxaqueca súbita. Há uns meses, estes sintomas certamente fariam com que corresse até à urgência mais próxima. Mas hoje o receio de ficar exposto à Covid-19 faz muita gente evitar uma ida ao hospital, quem sabe até com risco de desvalorizar sintomas que podem ser preocupantes. 

Foi a pensar nisto que o Hospital da Luz criou uma linha telefónica: a Linha Luz 24. Este novo serviço funciona 24 horas por dia, sete dias por semanas e funciona como uma triagem telefónica para avaliar situações clínicas e orientar os doentes para a resposta mais adequada. 

Nesta triagem, realizada por uma equipa de enfermeiros devidamente treinada, tal como aconteceria se estivesse mesmo na urgência do hospital, são feitas todas as perguntas necessárias para avaliar o seu estado de saúde, de acordo com protocolos clínicos preparados por especialistas em emergência. 

Depois, o enfermeiro indicará quais os passos a seguir. Pode ser encaminhado para uma videoconsulta, uma consulta presencial prioritária, uma consulta programada ou, até receber, durante a chamada, todas as indicações de que precisa para fazer os cuidados necessários a partir do conforto de sua casa. 

Na eventualidade de ser necessário recorrer a uma urgência hospitalar, os enfermeiros da Linha Luz 24 farão o encaminhamento para o Hospital da Luz mais próximo da área de residência. Assim que lá chegar, a equipa médica do Atendimento Urgente já terá todos os seus dados pessoais, assim como toda a informação clínica de que o médico precisará para o atender.

Só tem de se dirigir ao Hospital da Luz, escolher a opção "LUZ 24" no quiosque de admissão, apresentar o código recebido por SMS e aguardar ser chamado pelo médico que lhe prestará todos os cuidados necessários, com toda a segurança. 

A linha Luz 24 dá resposta a adultos e a crianças. Basta ligar o 217 104 424, esteja onde estiver (inclusive no estrangeiro).

A utilização deste serviço é totalmente gratuita, tendo apenas associado o custo de uma chamada local. 

Para saber mais informações sobre  a Luz 24, consulte o site do Hospital da Luz.

A LUZ 24 não deve ser usada em situações de emergência – em que tem de ser accionado, antes, o serviço 112.

Subscreva a newsletter da MAGG.
Subscrever

As coisas MAGGníficas da vida!

Siga a MAGG nas redes sociais.

Não é o MAGG, é a MAGG.

Siga a MAGG nas redes sociais.

Fale connosco

Se encontrou algum erro ou incorreção no artigo, alerte-nos. Muito obrigado.