Como resolução para 2020 a IKEA escolheu pôr fim aos plásticos descartáveis nas lojas, numa tentativa de reduzir o seu impacto negativo no ambiente. E a mudança começou assim que o ano mudou e, em janeiro, a marca retirou todos os artigos plásticos de utilização única, como copos, palhinhas e pratos, e substituiu-os por outros feitos a partir de fontes 100% renováveis.

Os materiais plásticos disponíveis nos restaurantes, bistros e cafés IKEA estão a ser substituídos por alternativas descartáveis mais sustentáveis. No caso das palhinhas, o plástico descartável deu lugar ao papel, vendidas em conjuntos de cem a 2,50€.

Fogos na Austrália. Seis histórias especiais que nascem da tragédia
Fogos na Austrália. Seis histórias especiais que nascem da tragédia
Ver artigo

Atualmente, mais de 60% da sua gama de produtos já é feita a partir de materiais renováveis, mas a IKEA ambiciona, até 2030, que todo o plástico usado nos seus artigos seja feito com materiais renováveis ou reciclados. Em 2018, as lojas IKEA portuguesas reciclaram mais de 73% do desperdício.

“Queremos ter um impacto positivo não só nas pessoas, mas também no nosso planeta. E por isso, temos uma preocupação permanente com o ambiente. Desta forma, eliminar o plástico descartável da nossa gama de decoração em casa e dos nossos restaurantes, cafés e bistros, é um passo importante para ajudar os nossos clientes e a nossa empresa a contribuir para um mundo sem desperdício", referiu Ana Barbosa, responsável pela área de Sustentabilidade da IKEA Portugal.

Newsletter

A MAGG é uma revista digital pensada para mulheres e focada nas preocupações centrais da vida de cada uma. Falamos de tudo o que está a acontecer de forma descontraída mas rigorosa.
Subscrever

Notificações

A MAGG é uma revista digital pensada para mulheres e focada nas preocupações centrais da vida de cada uma. Falamos de tudo o que está a acontecer de forma descontraída mas rigorosa.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.

Fale connosco

Se encontrou algum erro ou incorreção no artigo, alerte-nos. Muito obrigado.