Ser sustentável pode — e deve — ir muito além de separar o plástico do papel, reutilizar os frascos das leguminosas de compra ou fechar a torneira enquanto lava os dentes. Fazer compostagem é um passo fundamental para dar uma nova vida aos resíduos orgânicos e o Lidl dá um novo incentivo.

A partir desta quinta-feira, 25 de fevereiro, passa a estar disponível nas lojas um compostor doméstico que permite uma "rápida e eficaz" compostagem devido às ranhuras de ventilação. Tem capacidade de 300 litros e depois de acumulados vários resíduos de jardim e cozinha biodegradáveis, dá origem ao tal composto, que funciona como um adubo que pode usar em todos os tipos de plantas ou na agricultura.

Está a ver aqueles tachos de ferro fundido muitos giros e caros? O Lidl tem um e custa uma fração do preço
Está a ver aqueles tachos de ferro fundido muitos giros e caros? O Lidl tem um e custa uma fração do preço
Ver artigo

As vantagens de fazer compostagem em casa? "É fácil, higiénico, reduz o lixo orgânico e a emissão de gases do efeito estufa", enumera o Lidl, e faz com que não tenha de ficar à espera que a meta para implementar ecopontos castanhos (para resíduos biodegradáveis) junto aos habituais ecopontos verdes, azuis e amarelos até 2024, conforme definido por todos os Estados-membros da União Europeia em 2019, seja cumprida em Portugal.

Para já, existem na região de Lisboa 15 compostores comunitários, mas para quem não tem facilidade de acesso aos mesmos ou está noutras regiões do País, o compostor do Lidl pode ser a solução para investir num mundo melhor.

A caixa de compostagem custa 24,99€.

Subscreva a newsletter da MAGG.
Subscrever

As coisas MAGGníficas da vida!

Siga a MAGG nas redes sociais.

Não é o MAGG, é a MAGG.

Siga a MAGG nas redes sociais.

Fale connosco

Se encontrou algum erro ou incorreção no artigo, alerte-nos. Muito obrigado.