Da próxima vez que planear a sua viagem, há mais uma plataforma digital a ter em conta. Chama-se Chauffeur Privé, nasceu em França, e chegou esta segunda-feira, 17 de setembro, a Lisboa para concorrer com serviços idênticos como a Uber, a Taxify e a Cabify. Ao contrário destas três, a Chauffeur Privé vai sempre apresentar valores fixos mesmo que haja trânsito ou o motorista se veja obrigado a uma alteração forçada do percurso que estava inicialmente previsto pela aplicação.

O arranque do serviço em Lisboa começou com 500 motoristas mas Sérgio Pereira, diretor da Chauffeur Privé em Portugal, garante que a empresa continua ativamente a "selecionar e a formar motoristas." É que a ideia passa por chegar até ao final do ano com mil motoristas, mas diz que este não é um limite ou uma meta. "O que queremos é assegurar a qualidade do serviço para os utilizadores e para os motoristas parceiros que trabalhem connosco diariamente", continua.

Segredos e truques que provavelmente desconhece da Uber, Cabify e Taxify
Segredos e truques que provavelmente desconhece da Uber, Cabify e Taxify
Ver artigo

Por enquanto, a plataforma só funciona na área da Grande Lisboa e arredores — margem sul, Campo de Ourique, Almada, Cascais, Sintra e Odivelas, são as zonas asseguradas com serviço e carros regulares. "Estamos a cobrir uma área bastante larga porque acreditamos que assim é que deve ser. Mas o melhor de tudo é que no final de cada viagem não há surpresas na fatura", referindo-se à taxa de valor fixo que será sempre mantida. Quando questionado sobre se alguma vez o modelo de negócio poderia vir a ser alterado, um pouco à semelhança da Cabify — que recentemente passou a contabilizar não só os quilómetros percorridos mas também o tempo que está dentro do carro — Sérgio Pereira garante que não.

"Este modelo é algo que já existia em França e que vamos manter em Portugal por acharmos que é uma componente que o cliente valoriza muito. Por isso não está de todo previsto que venham a surgir alterações a esse modelo. Poderemos, sim, otimizar o modelo consoante a necessidade tanto dos motoristas como dos passageiros."

No que toca aos preços exatos, o valor mínimo para cada viagem é sempre 2,50€ e o valor total é sempre apresentado antes de pedir uma viagem através do seu telemóvel. Caso pretenda reservar um carro sem destino planeado, o preço base é de 0,95€ e por cada quilómetro percorrido paga mais 60 cêntimos. A tudo isso são ainda acrescentados 10 cêntimos por cada minuto que está dentro do carro.

Más notícias: as viagens da Cabify vão ficar mais caras
Más notícias: as viagens da Cabify vão ficar mais caras
Ver artigo

Outra das caraterísticas que distingue a Chauffeur Privé da concorrência é o sistema de fidelização e ausência de avaliação entre condutores e passageiros. "A nossa plataforma não vai possibilitar esse tipo de pontuação porque não queremos que o cliente se sinta a ser avaliado durante o tempo que está dentro de um carro", mas diz que encorajam todos os condutores a reportar situações anómalas ou de conduta nociva durante as viagens. Mas a novidade está num novo sistema de fidelização em que os clientes podem trocar os pontos que vão angariando após cada viagem por dinheiro. Quantas mais viagens fizer, menos paga e há diversos patamares com vários níveis de recompensas.

O primeiro plano chama-se Red e está destinado a clientes com menos de 15 viagens por ano em que cada euro gasto vale um ponto. Assim que passar as 15 viagens, o plano é renovado para Silver e a recompensa é de dois pontos por cada euro. Nos planos Gold e Platinum, para clientes com mais de 50 e 120 viagens anuais, respetivamente, cada euro gasto equivale a quatro e cinco pontos. Quando chegar aos 400 pontos tem direito a uma viagem grátis.

A aplicação da Chauffeur Privé está disponível para sistemas iOS e Android e, durante o primeiro mês, todos os utilizadores têm um desconto de 50% em todas as viagens que não ultrapassem os 10€.

Newsletter

A MAGG é uma revista digital pensada para mulheres e focada nas preocupações centrais da vida de cada uma. Falamos de tudo o que está a acontecer de forma descontraída mas rigorosa.
Subscrever

Notificações

A MAGG é uma revista digital pensada para mulheres e focada nas preocupações centrais da vida de cada uma. Falamos de tudo o que está a acontecer de forma descontraída mas rigorosa.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.

Fale connosco

Se encontrou algum erro ou incorreção no artigo, alerte-nos. Muito obrigado.