Casa da Praia, Casa da Serra, Casa do Campo e Moinho. São estas as casas de luxo onde os concorrentes do novo reality show da TVI, "O Amor Acontece", vão ficar enquanto tentam que o amor aconteça mesmo. As casas não são o mais importante, mas sim os casais que vão fazer parte da experiência. Os primeiros oito concorrentes foram apresentados no programa deste domingo, 4 de julho.

A cada semana serão apresentados novos casais que terão um primeiro encontro decisivo. Tanto pode durar 24 horas, o que significa que o match não se deu, como um máximo de quatro dias — sempre no ambiente romântico das casas de luxo com vistas para a serra, campo ou praia de cortar a respiração.

O que não convém cortar é clima de romance, para que cada par se mantenha mais tempo no programa (sinal de que o amor está a acontecer). Assim, no final de cada dia, os casais vão ter de decidir se querem continuar com o mesmo parceiro ou se querem conhecer outro dos participantes. Se continuarem, os desafios serão acrescidos: primeiro conhecem um melhor amigo do outro candidato, depois de um familiar.

Entrámos numa das casas de "O Amor Acontece". Tem jacuzzi, burros e uma varanda de madeira
Entrámos numa das casas de "O Amor Acontece". Tem jacuzzi, burros e uma varanda de madeira
Ver artigo

Como a TVI descreve, este novo formato é uma espécie de slow dating e os primeiros a fazer parte da aventura são Ide, Cláudia, Tiago, Diogo, Joana, Catarina, Jorge e Miguel.

Um dos casais mostrou-se mais desinibido e deu o primeiro passo logo no programa deste domingo. "O primeiro beijo vai acontecer", adiantaram os apresentadores Pedro Teixeira e Maria Cerqueira Gomes. Descubra quem foi.

Tiago e Catarina (Casa da Praia)

Tiago e Catarina
Tiago e Catarina créditos: divulgação

A Casa da Praia foi a primeira a ser apresentada e à qual chegou o primeiro candidato: Tiago, de 24 anos, de Lisboa. "Neste experiência vim à procura de uma amiga, de uma namorada", começou por dizer sobre as suas perspetivas. E porque está solteiro? "Não é por falta de oportunidade", afirmou, mas não só. "Sinto que ainda não encontrei a pessoa que me completa e por isso é que estou solteiro". A pandemia também não ajudou Tiago, já que este gosta "de ir a bares conhecer pessoas".

O concorrente traçou um perfil ideal de mulheres: entre 1,60 e 1,68 metros, de olhos azuis, e "um bocadinho ciumentas". Já ela, Catarina, de 21 anos, gosta de rapazes com 1,82 (aspeto que não encontrou em Tiago).

A estudante de comunicação, natural de Vila Nova de Gaia, chegou à Casa da Praia com uma mala pesada e precisou de ajuda do seu novo companheiro, que prontamente prestou auxilio. Após esta primeira impressão, Tiago fez logo a sua avaliação: "Se tivesse de dizer numa escala de zero a dez, é um 8,3".

Catarina ficou encantada com o seu par, bem como com a casa, mas ficou preocupada com um aspeto: será que Tiago só saberia cozinhar massa, arroz e ovos com atum? "Sei cozinhar bacalhau à Brás", revelou o concorrente e bastou este prato para Catarina ficar conquistada (ou a omelete que Tiago lhe preparou em alternativa ao sushi).

Quanto à casa, Tiago gostou do "facto de ter os montes e o mar". A Casa da Praia é a única casa completamente isolada e uma das mais impressionantes. Veja as imagens.

Jorge e Ide (Casa da Serra)

Jorge e Ide
Jorge e Ide créditos: divulgação

Jorge, de 75 anos, reformado, é o candidato mais velho da experiência e foi o primeiro a chegar à Casa da Serra. Ficou desiludido quando percebeu que não havia televisão na casa, mas depressa arranjou uma solução: "Faço eu o espetáculo" (mas, adiantamos já, Jorge não vai sentir falta de televisão porque vai andar bem entretido).

Os primeiros receios tomaram conta do concorrente de Sintra quando chegou à casa e ficou algum tempo à espera do seu par. "O pior que me podia acontecer era a pessoa olhar para mim, baixar os olhos e perceber que não era a pessoa indicada", disse. Mas não foi isso que aconteceu quando Ide, de 64 anos, de Vila Real, o conheceu.

"Ele foi muito cavalheiro, que é raro encontrar homens assim", disse Ide após chegar à casa e ser ajudada pelo parceiro de "O Amor Acontece" para levar a mala para dentro da Casa da Serra. Ide não só ficou agradada com a atitude, como sentiu uma química imediata. "Assim que o vi, já senti vontade de abraçar, aconchegar no peito, sentir o cheiro dele", disse a concorrente.

Apesar de uma ligeira dificuldade por parte de Jorge para dizer o nome de Ide, tudo o resto parecia encaixar. Não é que Ide e Jorge foram o primeiro casal a dar um beijo no programa?

Conheça o espaço onde o resto da experiência de Jorge e Ide vai desenrolar-se (e algo mais, porque Ide diz que é "excelente de cama").

Joana e Miguel (Casa do Campo)

Joana e Miguel
Joana e Miguel créditos: divulgação

Piscina e jacuzzi exterior tem tudo para conquistar o par que vai viver na Casa do Campo, mas será que eles se conquistam um ao outro?

Joana tem 30 anos, veio da Suíça, e mal chegou à casa já estava à procura de dois quartos. "Isso é importante", disse. Quando verificou que só havia um, ficou preocupada e pensou logo em usar as almofadas como barreira ao dormir com o seu parceiro. A concorrente, babysitter, já esteve de casamento marcado e ao longo da vida amorosa sofreu "bastantes desilusões, relações tóxicas", razão pela qual tem "medo de sofrer".

Contudo, nesta experiência, o sofrimento foi por ansiedade até conhecer o seu par — que esperava que fosse uma "pessoa simples, divertida, honesta" (e, já agora, que queira ser pai, já que Joana quer ter três filhos, tal como revelou à apresentadora Maria Cerqueira Gomes).

Finalmente, chegou então Miguel, de 43 anos. Tal como Joana, Miguel também viveu na Suíça — logo aqui um ponto em comum. O concorrente começa por apresentar-se como um apaixonado por natureza e desporto. "Faz parte do meu dia a dia, gosto muito de caminhar. Faço padel no rio". Miguel admite que já foi "um playboy" quando tinha cerca de 20 anos, altura em que teve relações com mulheres de todas as nacionalidades, mas poucas portuguesas. "É o que falta hoje", diz. Poderá ser em Joana que encontra o amor, apenas não para já.

"Ao olhar para ele ainda não houve o clique, mas gostei do que vi. É um homem charmoso", reagiu Joana após conhecer Miguel. Já o concorrente do Douro, gostou do que viu. "Fisicamente é um estilo de mulheres a que fico sensível".

Miguel já foi casado e ia ser pai. O concorrente conta que quando a mulher engravidou "deu um ovo branco", o que significa que "lá dentro não estava fecundado", explica sobre a altura em que descobriu que não podia ter filhos. Sem ainda revelar este impedimento a Joana, o assunto foi discutido e a concorrente afirmou que só não teria filhos por questões de saúde, deixando Miguel reconfortado.

Como é que isto vai correr? Não sabemos. Apenas onde vai correr.

Diogo e Cláudia (Moinho)

Diogo e Cláudia
Diogo e Cláudia créditos: divulgação

Diogo chegou ao Moinho já de ramo de flores na mão para dar à sua parceira de experiência. O jovem de 21 anos, é estudante de Análise de Dados e veio de Lisboa. Gosta de jogar voleibol e diz que é "fácil de conquistar, até porque isso não acontece muito". Diogo ficou intrigado com uma pista deixada no Moinho, que dava a entender que o seu par canta, e cada vez mais ansioso para conhecer a rapariga com quem iria partilhar o Moinho. E esse momento não tardou.

De guitarra às costas, lá chegou Cláudia, de 25 anos, natural das Caldas da Rainha. "Os meus hobbies são cantar, jogar vólei, ouvir musica, ler", apresentou-se e logo aqui encontramos um ponto compatível entre os dois: o vólei. Contudo, mais tarde, veio a saber-se que no que diz respeito ao desporto nem tudo é compatível — ele é do sporting, ela do Benfica.

Cláudia sofreu com o fim da última relação, mas está pronta para ver se o amor acontece novamente. "Para me conquistar, tem de ter um grande sentido de humor, mas tem de ser algo natural", disse a assistente de apoio ao cliente. "Fisicamente vou estar mais atenta ao sorriso" e "psicologicamente se tem tema de conversa", continuou.

Requisitos delineados, foi então altura de se conhecerem e não houve desilusões. "Pareceu-me ser bem parecido. Não estava mesmo à espera", afirmou Cláudia e ele comentou que gostou do seu "par logo pela primeira interação".

A conquista ainda está muito no início, mas Diogo veio logo com uma na manga, o ramo de flores, que Cláudia derrubou ao entrar.

Ainda assim, nada deitou abaixo a intenção de agradar. "Gostei muito porque nunca tinha recebido flores mesmo", disse a concorrente.

Conheça o moinho romântico onde Diogo e Cláudia vão conhecer-se melhor.

Subscreva a newsletter da MAGG.
Subscrever

As coisas MAGGníficas da vida!

Siga a MAGG nas redes sociais.

Não é o MAGG, é a MAGG.

Siga a MAGG nas redes sociais.

Fale connosco

Se encontrou algum erro ou incorreção no artigo, alerte-nos. Muito obrigado.