Depois da saída da TVI, Fátima Lopes está de regresso à SIC. O anúncio foi feito esta terça-feira, 16 de novembro, pela estação de Paço de Arcos numa nota oficial enviada às redações.

O regresso oficial está marcado para 1 de dezembro, altura em que Fátima Lopes vai apresentar a primeira Gala dos Sonhos da Associação Sara Careira. Será a partir dessa data que terá início uma nova colaboração com o canal, estando já prevista "uma temporada de um grande formato", além de "outros projetos e iniciativas" que serão anunciadas em breve.

Para o diretor-geral da SIC, Daniel Oliveira, Fátima Lopes "é um dos grandes nomes da televisão em Portugal".

Fátima Lopes. "Tenho de aprender a não ser tão ingénua e a não ter tão boa fé"
Fátima Lopes. "Tenho de aprender a não ser tão ingénua e a não ter tão boa fé"
Ver artigo

"Pode e sabe fazer todos os registos e vive um momento especial da sua vida, de concretização profissional e confiança, que a torna uma mais valia para a SIC, num regresso a casa que acontece no momento certo. Os 30 anos da televisão privada em Portugal, e da SIC em particular, não dispensam um dos seus principais rostos", explica, em nota oficial

Já a apresentadora assume estar "muito feliz pelo regresso à casa" através da qual iniciou a sua atividade profissional enquanto apresentadora no programa "Perdoa-me", de 1994.

"Foi na SIC que me fiz apresentadora e onde cresci como profissional. Para mim, tem um significado muito especial, regressar para conduzir esta gala e fazer parte da celebração dos 30 anos da SIC. Recomeço entusiasmada e cheia de vontade de abraçar novos desafios", diz Fátima Lopes.

O regresso à SIC surge depois de, em janeiro deste ano, a apresentadora ter posto fim a uma relação de onze anos com a TVI. Apesar da saída do canal, revelou, em entrevista à MAGG, que não saiu "com zanga com ninguém".

"O processo não correu bem, houve um somatório de situações em que fui desvalorizada e desconsiderada, mas as pessoas conseguem separar as águas, o que me deixa muito feliz, porque eu também consigo", explicou.

Subscreva a newsletter da MAGG.
Subscrever

As coisas MAGGníficas da vida!

Siga a MAGG nas redes sociais.

Não é o MAGG, é a MAGG.

Siga a MAGG nas redes sociais.

Fale connosco

Se encontrou algum erro ou incorreção no artigo, alerte-nos. Muito obrigado.