O talent show “Ídolos”, da SIC, está de regresso. A estação de Paço de Arcos anunciou esta quinta-feira à tarde, 23 de dezembro, que o programa volta em 2022, após um hiato de sete anos.

O talent show, adaptado do formato britânico "Pop Idol", vai para sétima edição sendo que a primeira estreou em 2003 e a última foi para o ar em 2015. Nesta última, João Couto foi o grande vencedor.

A SIC lembra outros nomes que passaram pelo programa e que hoje em dia são bem conhecidos. É o caso de Salvador e Luísa Sobral, Carolina Torres, Filipe Pinto, Carolina Deslandes e Diogo Piçarra (que venceu o formato em 2012).

De 2009 a 2012 o programa foi apresentado por Cláudia Vieira e João Manzarra e a última edição, em 2015, foi conduzida somente por João Manzarra. Ainda não se sabe quem vão ser os apresentadores no regresso de “Ídolos”, mas a ser novamente a dupla Cláudia e João Manzarra será também o regresso de ambos após o último formato que apresentaram em conjunto, o  "Regresso ao Futuro", que acabou em março de 2021. 

No primeiro “Ídolos”, em 2003, Nuno Norte saiu vencedor e um ano mais tarde foi Sérgio Lucas — ambas as edições foram apresentadas pela dupla Sílvia Alberto e Pedro Granger. O programa regressou em 2009, desta vez com Cláudia Vieira e João Manzarra. Filipe Pinto foi o grande vencedor da terceira edição.

Em 2010 o programa foi vencido por Sandra Pereira, em 2012 por Diogo Piçarra e em 2015, quando regressou, três anos mais tarde, o concorrente João Couto chegou até à final. Ao fim de sete anos, o programa volta e fica por saber quem fará parte do painel de jurados e apresentadores.

Já os concorrentes, estão a ser procurados. A SIC anunciou que as inscrições já estão abertas.

As coisas MAGGníficas da vida!

Siga a MAGG nas redes sociais.

Não é o MAGG, é a MAGG.

Siga a MAGG nas redes sociais.

Fale connosco

Se encontrou algum erro ou incorreção no artigo, alerte-nos. Muito obrigado.