Este domingo, 5 de dezembro, não há "Isto é Gozar com Quem Trabalha". A notícia foi avançada em comunicado publicado no site da SIC.

"Ricardo Araújo Pereira e a restante equipa do 'Isto é Gozar com quem Trabalha' tiveram um contacto considerado de risco com um caso positivo de Covid-19. Por esse motivo, o programa previsto para este domingo não se realizará. 'Quem esperou 6 meses para saber a velocidade de um carro, pode esperar mais uns dias para saber o que vamos dizer sobre isso'", lê-se na missiva divulgada pela estação de Paço de Arcos.

O formato é o habitual líder de audiências aos domingos e detém o título de programa mais visto da televisão portuguesa, mantendo em frente ao ecrã, todas as semanas, mais de 1,5 milhões de telespectadores. Ricardo Araújo Pereira lidera uma equipa constituída por Joana Marques, Guilherme Fonseca, Cátia Domingues, José Diogo Quintela, Cláudio Almeida e Manuel Cardoso.

"Isto É Gozar com Quem Trabalha" de regresso à SIC. Está quase a chegar a "Quarta Variante"
"Isto É Gozar com Quem Trabalha" de regresso à SIC. Está quase a chegar a "Quarta Variante"
Ver artigo

Paralelamente a este projeto, a maioria dos elementos da equipa está envolvida noutros programas de rádio e televisão. Joana Marques integra as "Três da Manhã" da Renascença e o formato "Irritações" da SIC Radical. Guilherme Fonseca, Cátia Domingues, Cláudio Almeida e Manuel Cardoso são responsáveis pela rubrica de humor "Pancada de Meia-Noite", exibida de segunda a quinta-feira na SIC Notícias.

"Governo Sombra" já não tem o mesmo nome. O novo título é mais longo, mas há uma razão
"Governo Sombra" já não tem o mesmo nome. O novo título é mais longo, mas há uma razão
Ver artigo

Manuel Cardoso também assina a rubrica de humor das manhãs da Antena 3, "Pão Para Malucos". Ricardo Araújo Pereira é um dos comentadores do formato semanal da SIC Notícias "Programa Cujo Nome Estamos Legalmente Impedidos de Dizer" (anteriormente conhecido como "Governo Sombra").

As coisas MAGGníficas da vida!

Siga a MAGG nas redes sociais.

Não é o MAGG, é a MAGG.

Siga a MAGG nas redes sociais.

Fale connosco

Se encontrou algum erro ou incorreção no artigo, alerte-nos. Muito obrigado.