Helena Coelho foi a quinta seguidora de Ruben Rua no Instagram e acompanhava de perto o seu trabalho, mas formarem uma dupla televisiva foi uma surpresa para ambos .Um ano depois da estreia de "VivaVida" ,Helena Coelho conhece Ruben Rua ainda melhor, sabe como trabalha e consegue antever algumas reações. Em conferência de imprensa a propósito do primeiro aniversário do programa da TVI, que se celebra este sábado, 2 de outubro, a apresentadora confessa que formato "está melhor que nunca".

Helena Coelho sobre “Big Brother". "Sinto-me lisonjeada por ser uma das caras deste programa"
Helena Coelho sobre “Big Brother". "Sinto-me lisonjeada por ser uma das caras deste programa"
Ver artigo

Fazendo uma retrospetiva, Ruben Rua sublinha três crescimentos: "No formato, naquilo que somos, individualmente, enquanto apresentadores e, também, naturalmente, enquanto dupla". Refere, ainda, que as mutações do programa conduziram a uma evolução e que as diferentes localizações semanais são um elemento diferenciador.

O apresentador da TVI conta que, considerando os projetos anteriores em que esteve envolvido, sentia falta de alguma continuidade e realça que ainda tem muito para aprender e evoluir. "Precisava de perceber até que ponto era capaz de ter esta profissão, até que ponto é que eu gostava realmente de ser apresentador e até de perceber se eu era suficientemente bom, se o público poderia gostar de mim e se o canal me poderia reconhecer."

Sobre Helena Coelho, que nunca tinha feito televisão, Ruben Rua diz que "é uma apresentadora, sem dúvida nenhuma, muito melhor que aquela que era há um ano".

Para os apresentadores, o "VivaVida" é, hoje, "um programa muito mais sólido", e conseguem perceber as maiores dificuldades do formato no seu primeirno. “ [Foi preciso] perceber qual é a fórmula correta, qual é a nossa identidade e o que é que nós queremos fazer. (...) Foi muito necessário que os dois trabalhássemos, que a equipa trabalhasse e que nós, juntamente com a direção, percebêssemos o que é que devíamos fazer, como é que devíamos fazer e como é que podíamos ter sucesso", conta Ruben Rua.

Helena Coelho conta que, ao longo do ano, trabalhou para "honrar um compromisso e um convite". Contudo, apesar de ser um fenómeno nas redes sociais e de estar acostumada a falar para as câmaras, apresentar um programa teve os seus desafios. "Tive alguma retração pessoal", contou a influenciadora digital, que também acrescentou que trabalhar em dupla exigiu aprendizagem. 

"[É preciso] saber o que é que o outro está a pensar, sem falar, quando é que o outro quer falar sem estarmos propriamente a perguntar se ele quer falar, não o interromper, não passar por cima um do outro (...) Não sabia exatamente os 'timings' em que devia falar ou não, em que devia estar mais calada ou não e ao mesmo tempo queria-me fazer valer para justificar a minha presença", revelou Helena Coelho.

Já Ruben Rua assume que vai muito além da apresentação, tanto neste formato, como em outros que apresenta no canal de Queluz de Baixo. "O que eu faço no 'Em Família', faço também no 'VivaVida' e isso significa preocupar-me com o alinhamento, com os conteúdos, com o guarda roupa, com a luz, com a localização. Só assim faz sentido."

Maria Cerqueira Gomes. "Só consegui ser eu quando a pessoa que eu fui substituir veio para minha diretora"
Maria Cerqueira Gomes. "Só consegui ser eu quando a pessoa que eu fui substituir veio para minha diretora"
Ver artigo

Helena Coelho sobre maternidade, digital e televisão: “É segurar na mão de Deus e ir, não pensar muito”

Com 623 mil seguidores no Instagram, Helena Coelho divide o seu tempo entre o trabalho no digital, o "VivaVida", os diários do "Big Brother" e a filha, Íris, de quase 6 meses. A "missão de ajudar, empoderar e inspirar outras mulheres" mantém-se, mas confessa que, depois de ser mãe, cuidar de si própria tem sido exigente, pelo tempo que não tem.

"É muita coisa ao mesmo tempo, muita novidade. (...) Queremos fazer tudo bem e tudo requer tempo e empenho (...) Tem sido bastante desafiante, mas ao mesmo tempo muito compensador e acho que, no final de tudo, quando consigo fazer tudo, ainda me sinto mais orgulhosa de mim", explicou, contando que faz a gestão de tudo "a dois", com o namorado, Paulo Teixeira.

Ruben Rua e Helena Coelho
créditos: Instagram

Subscreva a newsletter da MAGG.
Subscrever

As coisas MAGGníficas da vida!

Siga a MAGG nas redes sociais.

Não é o MAGG, é a MAGG.

Siga a MAGG nas redes sociais.

Fale connosco

Se encontrou algum erro ou incorreção no artigo, alerte-nos. Muito obrigado.