Sandrina Pratas foi a primeira a abandonar a casa no passado domingo. 5 dias depois da última gala do "BB2020", a ex-concorrente admite estar bastante contente com a sua prestação: "Mudava apenas algumas atitudes que acho que foram mal interpretadas cá fora.", revela.

Depois de ter entrado no programa com uma causa - quebrar os estereótipos relacionados com a etnia cigana - a concorrente destaca o vídeo que recebeu de Ricardo Quaresma como um dos melhores momentos. Sandrina admite que gostava muito de falar com o jogador, que se tem revelado também um homem de causas. " Já lhe mandei mensagem, mas ainda não tive resposta."

De Gata Borralheira a Cinderela. A primeira entrevista de Soraia após ganhar "BB2020"
De Gata Borralheira a Cinderela. A primeira entrevista de Soraia após ganhar "BB2020"
Ver artigo

Ao longo do jogo, a alentejana revelou ter vários problemas de auto estima relacionados com a sua forma física. Após sair da casa, não deixa de parte a possibilidade de realizar intervenções estéticas assim que o dinheiro ou os patrocínios lho permitirem. "Ainda não tenho possibilidades económicas para fazer nenhuma mudança. Quando tiver, claro que quero fazer", revela a concorrente admitindo que "o peito e a barriga" são a prioridade.

Dona de um cabeleireiro que tem estado fechado desde a entrada no reality show, a alentejana confessa que quer voltar ao trabalho e reabrir o salão, mas, para já, a prioridade é descansar e aproveitar para estar com as pessoas que sempre a apoiaram.

A ex-concorrente revela-se uma mulher de causas e diz que, daqui para a frente, quer muito participar em ações de voluntariado. "Quem precisar, pode-me chamar à vontade". Durante o programa, o pai de Sandrina afirmou que iria doar 5 mil euros ao Banco Alimentar Contra a Fome, caso a filha fosse vencedora do reality show.

Newsletter

A MAGG é uma revista digital pensada para mulheres e focada nas preocupações centrais da vida de cada uma. Falamos de tudo o que está a acontecer de forma descontraída mas rigorosa.
Subscrever

Notificações

A MAGG é uma revista digital pensada para mulheres e focada nas preocupações centrais da vida de cada uma. Falamos de tudo o que está a acontecer de forma descontraída mas rigorosa.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.

Fale connosco

Se encontrou algum erro ou incorreção no artigo, alerte-nos. Muito obrigado.