António Bravo tem 31 anos apresentou a Curva da Vida na gala do "Big Brother" deste domingo, 21 de novembro. O concorrente revelou que foi vítima de bullying no colégio onde estudou, em Lisboa.

A Pipoca Mais Doce elege vestido midi com mangas bufantes para a gala do "Big Brother"
A Pipoca Mais Doce elege vestido midi com mangas bufantes para a gala do "Big Brother"
Ver artigo

"Era o gay, era isto, era aquilo. (...) Sentia-me o miúdo mais infeliz de sempre". recordou o concorrente, que foi diagnosticado por uma psicóloga, com uma "depressão gigante" e frequentou três vezes o 10.º ano de escolaridade. Em relação à sua orientação sexual, apesar de sentir uma atração pelo sexo masculino, sentiu dúvidas e só quis assumir quando teve certeza. "Se eu experimentasse e não fosse mesmo aquilo [homossexual] podia-me assombrar para o resto da minha vida."

"Aos 25 anos, conheci a pessoa que mudou a minha vida para sempre. Pela primeira vez na vida, senti-me amado como nunca tinha sentido e eu amei como nunca tinha amado. Até eu perceber que não era nada disso", explicou António, referindo-se à traição do ex-namorado, que perdoou. "A partir daí, eu aceitei ser um saco de boxe e fechar os olhos a muitas das coisas que aconteceram. Ele era uma pessoa muito desequilibrada e tinha um grande problema de adição às drogas. Eu achei que o ia salvar. Eu acho que o pior - e é o que eu mais me arrependo - foi de ter começado a consumir com ele. Destruiu-me."

Em conversa com Cláudio Ramos e Manuel Luís Goucha, no confessionário, António contou que "estava completamente sem brilho, tinha deixado de ser quem era". Quando se apercebeu, resolveu pôr fim à relação. Segundo revelou, a princípio, precisou de ajuda, mas percebeu que "a maior ajuda de todas" tinha que partir de si próprio. "Deixei de me amar para poder amar outra pessoa".

Para ultrapassar o desgosto amoroso, o lisboeta foi para a Austrália. "Achei que tinha que tomar as rédeas da minha própria vida. (...) Precisei de levar aquele António comigo para o deixar bem longe." Por força da pandemia, regressou a Portugal e conheceu o atual namorado, com quem se mostrou bastante feliz. "O Lu foi, sem dúvida, o maior o maior apoiante de eu vir para o 'Big Brother' e aí eu disse: 'A este homem tenho que comprar um anel que este aqui fica já cá'", sublinhou, durante o segmento.

A Curva da Vida de António terminou com a garantia de que será o vencedor da atual edição do reality show e que esse momento será "o fechar do pano". Aos apresentadores, confessou-se "realizado". "Estou feliz como nunca estive, a concretizar os meus sonhos todos. (...) Tenho muito orgulho na pessoa que me tornei, que realmente traçou muitos objetivos e estou a conseguir realizá-los todos."

Subscreva a newsletter da MAGG.
Subscrever

As coisas MAGGníficas da vida!

Siga a MAGG nas redes sociais.

Não é o MAGG, é a MAGG.

Siga a MAGG nas redes sociais.

Fale connosco

Se encontrou algum erro ou incorreção no artigo, alerte-nos. Muito obrigado.