Bernardina Brito, de 28 anos, foi a concorrente expulsa na última gala do "Big Brother - Duplo Impacto". A também ex-concorrente da "Casa dos Segredos" esteve à conversa com os jornalistas esta segunda-feira, 1 de março, e falou sobre a queixa que recebeu da Proteção de Menores, em que foi acusada de negligenciar o filho quando este tinha apenas um ano. Fez ainda o balanço da sua prestação no reality show e falou da amizade com o ex, Tiago Ginga.

Antes de entrar em "A Quinta - O Desafio", em 2016, a Comissão de Proteção de Crianças e Jovens recebeu uma queixa anónima a dar conta de alegada negligência por parte de Bernardina ao filho Kévim, na altura com cerca de um ano. "Agora não me preocupa, mas naquela altura custou e magoou-me muito. Não tinha muitas possibilidades mas acabaram por ver que tinha as condições todas para o meu filho e o processo ficou arquivado", recordou a nortenha.

"Sei a mãe que sou e com quem deixo os meus filhos. O meu marido tomou bem conta deles e a minha sogra também esteve sempre a ajudar. Os meus filhos sempre me disseram para entrar no programa", frisou a ex-concorrente sobre o período em que esteve na mansão da Ericeira, revelando ainda que a primeira vez que recebeu o convite acabou por recusar.

Apesar não querer entrar no "Big Brother" numa primeira instância, Bernardina afirmou que foi a família que a incentivou a ir. "O convite surgiu de repente e não aceitei, mas depois disseram-me para ir até porque íamos entrar noutra quarentena", afirmou.

 Bernardina fala sobre morte do pai de Tiago Ginga

A ex-concorrente da "Casa dos Segredos" revelou que se sente uma pessoa mais emotiva e que preferiu não saber da morte do pai de Tiago Ginga, ex-companheiro e pai do filho Kévim, que morreu em fevereiro vítima de cancro. "Ainda bem que não me passaram essa informação porque ia começar a pensar que faria mais falta cá fora para lhe dar apoio e para explicar ao meu filho que tinha perdido o avô", frisou, referindo ainda que mantém uma boa relação com o pai do filho.

O pai do também ex-concorrente dos reality shows da TVI tinha uma relação forte com Kévim, de 6 anos. Bernardina falou de forma emotiva sobre o sogro e explicou que era uma pessoa "espetacular", que gostava de levar boa disposição aos amigos e família.

A nortenha contou que o marido, Pedro Almeida, manteve sempre o contacto com Tiago Ginga enquanto esteve fechada na mansão da Ericeira. "O meu marido contou-me que até falavam todos os dias enquanto eu estava no programa. Neste momento, o Tiago não tem nada a dizer de mim nem eu dele. Tive medo que escrevessem algo de mal sobre ele, mas no programa quis deixar claro que agora estamos bem", disse.

Os 5 momentos em que Bernardina foi rainha dos reality shows
Os 5 momentos em que Bernardina foi rainha dos reality shows
Ver artigo

Garante que tentou ter uma prestação mais tranquila no reality show apresentado por Cláudio Ramos e Teresa Guilherme. "Tentei ser mais cautelosa porque os meus familiares sofreram muito nos outros reality shows em que participei". O que deixou Bernardina surpreendida foi a baixa percentagem de votos que recebeu dos portugueses e que ditou a sua saída da casa, mas revela que poderá ter sido por estar mais "apagada" no jogo e estar muito próxima de Sofia Sousa, a quem estava a dar apoio.

Mas ainda não é desta que se despede dos reality shows, até porque quer sagrar-se a grande vencedora de um futuro formato. Se tivesse de decidir o que é mais desafiante num programa de experiência social, a nortenha não hesita: as saudades dos filhos. Para além de ser mãe de Kévim, de 6 anos, Bernardina também tem Kyara, de 3, fruto da relação com Pedro Almeida.

Subscreva a newsletter da MAGG.
Subscrever

As coisas MAGGníficas da vida!

Siga a MAGG nas redes sociais.

Não é o MAGG, é a MAGG.

Siga a MAGG nas redes sociais.

Fale connosco

Se encontrou algum erro ou incorreção no artigo, alerte-nos. Muito obrigado.