Os concorrentes do "Big Brother - A Revolução" foram sancionados nesta quarta-feira, 4 de novembro, depois de não terem cumprido as regras do soberano da casa. A penalização deveu-se a não terem recolhido ao interior da casa, quando ouviram gritos do exterior. A voz do "Big Brother" teve de ordenar quatro vezes para se dirigirem ao interior da casa.

"Uma das regras desta casa e um dos encantos do jogo, é a privação do contacto com o exterior. Hoje, houve pessoas próximas de alguns de vocês que vieram quebrar essa regra e tentaram estabelecer contacto com a casa", começou por dizer o "Big Brother". Mas Rui Pedro acabou por interromper e atirou: "Mentira, não tentaram nada".

"Pedi para se dirigirem ao interior da casa, como consta das regras que todos conhecem. Demoraram a fazê-lo e obrigaram-me a repetir varias vezes a mesma ordem", explicou. "Lamento esta falta de respeito por mim e pelo jogo. Vou avisar um vez, só uma vez. Se alguém voltar a receber gritos de pessoas próximas e não cumprir as minhas ordens, fica automaticamente nomeado na semana seguinte", ameaçou o soberano.

Que concorrente quer ver fora do "Big Brother" no próximo domingo?
Que concorrente quer ver fora do "Big Brother" no próximo domingo?
Ver artigo

Alertou, também, que este recado se dirige não só aos participantes do jogo, mas também aos familiares e amigos que foram gritar junto à casa. "Por esta vez, perdem 10% do vosso orçamento semanal e fica de exemplo para hoje e para sempre. O contacto com o exterior é proibido neste jogo e deve ser respeitado por todos", rematou

Veja aqui o momento.

Newsletter

A MAGG é uma revista digital pensada para mulheres e focada nas preocupações centrais da vida de cada uma. Falamos de tudo o que está a acontecer de forma descontraída mas rigorosa.
Subscrever

Notificações

A MAGG é uma revista digital pensada para mulheres e focada nas preocupações centrais da vida de cada uma. Falamos de tudo o que está a acontecer de forma descontraída mas rigorosa.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.

Fale connosco

Se encontrou algum erro ou incorreção no artigo, alerte-nos. Muito obrigado.