Maria da Conceição e Ana Morina têm-se mostrado bastante próximas dentro da casa do "Big Brother". No "Extra" de terça-feira, 5 de outubro, os comentadores reprovaram o comportamento de São, alegando que está a ser influenciada pela colega.

Rafael critica Joana Albuquerque. "Das pessoas mais mentirosas que já vi num reality show"
Rafael critica Joana Albuquerque. "Das pessoas mais mentirosas que já vi num reality show"
Ver artigo

Zé Lopes começou por dizer que as atitudes da concorrente o têm deixado reticente. "Faz-me um bocadinho de espécie quando tentam ir ao som dos outros, na maré dos outros. Porque a Ana Morina tenta dizer que defende aquilo [a sororidade], que na minha opinião não defende, a São agora já quer ir nesse embalo. Isso faz-me um bocadinho de espécie porque cada um tem que ter a sua individualidade, a sua opinião, as suas convicções". 

No domingo, 3, Yeniffer e Ricardo sagraram-se líderes e, cada um, elegeu um aliado, que acabou por receber uma imunidade. Maria da Conceição criticou Yeniffer por ter preferido Fábio a uma mulher da casa, nomeadamente Letícia.

O atrito entre as concorrentes começou logo no pós-gala. A instrutora de zumba não gostou dos argumentos e deixou bem clara a sua posição: "O que nos distingue é o sexo, apenas!" Mais tarde, no confessionário, Maria da Conceição desabou em lágrimas e assumiu que nunca se deu muito com o sexo feminino.

Para o comentador do "Extra", "a São não se pode lembrar esta semana que não quer nomear mulheres" e, em seguida, condenar Yeniffer por não escolher a Letícia, mas, sim, Fábio.

Já Susana Dias Ramos, compara a concorrente com fantoches e acredita que "entrou num comboio descarrilado chamado Ana Morina". "Eu vejo a São a reproduzir as palavras da Ana Morina. Eu acho que a Ana Morina é um pico, que dá audiência e que as pessoas querem ver no jogo, porque traz movimento à casa. E quem estiver a gravitar, que é o caso da São e não tiver pedal para ela, vem borda fora. E eu não tenho gostado da atitude da São", explicou a comentadora.

A comentadora acrescentou que Maria era uma das suas concorrentes preferidas e deixou de ser por algumas atitudes recentes como, por exemplo, o comportamento com a Yeniffer, que considera ridículo.

Cinha Jardim também duvida da influência de Ana Morina sobre Conceição, que "talvez seja um espírito menos evoluído". A comentadora é assertiva: "Eu sou mulher, gosto das mulheres e defendo as mulheres, mas não vamos exagerar, porque caímos nesta coisa horrível. Eu detesto extremismo, detesto pessoas que defendem, que defendem, que defendem e depois não correspondem a essas defesas".

Durante a tarde do feriado, Maria da Conceição manifestou a sua lealdade para com Ana Morina, mas recordou que não acredita na união das mulheres. "Estou com a Morina até onde o jogo nos levar. Tem sido um apoio muito importante para mim cá dentro, não me influencia nada a causa dela, que já disse que não acreditava e cada vez acredito menos. (...) Cada vez acredito mais que as mulheres não estão unidas nem nunca vão estar, mas respeito e mesmo lá fora vou tentar pôr em pratica aquilo que ela me tem ensinado".

Na rede social Twitter, os fãs do reality show mostram-se desiludidos com Maria da Conceição e há quem faça uma comparação com o "Big Brother - Duplo Impacto": "A São é a Noelia e a Morina é o Quinaz".

Ana Barbosa, Ana Morina, Conceição, Débora Neves, João Ligeiro e Rafael Teixeira são os concorrentes em risco de expulsão, no próximo domingo, 10 de outubro. Como é habitual, a MAGG abriu uma sondagem para saber quem é o favorito dos leitores.

Responda à sondagem aqui.

As coisas MAGGníficas da vida!

Siga a MAGG nas redes sociais.

Não é o MAGG, é a MAGG.

Siga a MAGG nas redes sociais.

Fale connosco

Se encontrou algum erro ou incorreção no artigo, alerte-nos. Muito obrigado.