A primeira lua cheia de 2022 é  ultrassensível, sonhadora e emotiva, que se carateriza pela natureza altamente mutável e de mudanças repentinas de humor. Uma vez que vivencia o fluxo e refluxo das forças vitais, pode oscilar entre uma grande alegria e uma profunda tristeza.

A segurança, raízes e família são palavras-chave para esta Lua. A Lua em Caranguejo representa os nossos mais profundos desejos e necessidades. A esperança que o novo ano envolva um maior contacto com a intimidade e recolhimento, a tranquilidade e necessidade de paz e conexão com o lado mais cuidador de cada um.

Quiz. Se percebe de signos tem a obrigação de acertar em pelo menos 12 destas 15 perguntas
Quiz. Se percebe de signos tem a obrigação de acertar em pelo menos 12 destas 15 perguntas
Ver artigo

A fase da Lua cheia é um momento de consciencialização e iluminação. O que foi semeado na Lua Nova de Caranguejo é agora colhido e realizado.

As casas envolvidas nesta Lua cheia são: a Lua em Caranguejo na 10.ª casa, isto é, a necessidade de reconhecimento e a capacidade de ir ao encontro do que os outros precisam, principalmente no contexto profissional. E o Sol em Capricórnio na 4.ª, ou seja, força emocional e digno de confiança na sistémica familiar.

Esta é uma Lua Cheia muito poderosa a nível emocional. A Lua está a fazer oposição ao Sol e a Plutão, ou seja, as emoções poderão ser transformadas e transmutadas se trazidas à consciência, ou sentidas de forma avassaladora se permanecermos inconscientes nos nossos processos de mudança.

Somos iluminados pela autocompaixão e compaixão neste momento pelo todo. Ficamos mais sensíveis ao outro e às suas necessidades. O apelo à contemplação e ao sentimento, o sentir em profundidade.

Para uma avaliação mais aprofundada e específica da Lua Cheia no seu mapa natal, aconselha-se a marcação de uma consulta online através do site: https://sandramcosta.pt/consultas/consultas-de-astrologia/

As coisas MAGGníficas da vida!

Siga a MAGG nas redes sociais.

Não é o MAGG, é a MAGG.

Siga a MAGG nas redes sociais.

Fale connosco

Se encontrou algum erro ou incorreção no artigo, alerte-nos. Muito obrigado.