Portugal regista já 28.583 infetados e 1.190 mortos pelo novo coronavírus. São estes os novos dados avançados pela Direção Geral de Saúde (DGS) no boletim epidemiológico desta sexta-feira, 15 de maio. Estes números representam um aumento de cerca de 0,9% de infetados, enquanto as vítimas mortais registadas são mais 6 do que as registadas ontem.

Também esta sexta-feira, 15, foi anunciado um novo sintoma da COVID-19. Trata-se da psicose, distúrbio mental grave, e a conclusão é de um estudo desenvolvido por uma equipa de investigadores australianos, que revelam que este sintoma pode ter maior incidência em pessoas que já sofrem de doenças mentais prévias.

"Sabemos que a psicose, e os primeiros episódios de psicose, são comummente provocados por situações substancialmente stressantes que afetam a saúde mental. No contexto da COVID-19, a doença pode exacerbar a ansiedade, devido por exemplo à necessidade de isolamento ou de ter de permanecer em casa com outros familiares que geram um ambiente tóxico", revela Ellie Brown, médica e co-autora do estudo, ao jornal britânico "Mirror".

Com a reabertura das creches também à porta, já na próxima segunda-feira, 18 de maio, o primeiro-ministro, António Costa, revelou esta sexta-feira, 15, que já foram distribuídas 4 milhões de máscaras nas escolas através das Forças Armadas.

Subscreva a newsletter da MAGG.
Subscrever

As coisas MAGGníficas da vida!

Siga a MAGG nas redes sociais.

Não é o MAGG, é a MAGG.

Siga a MAGG nas redes sociais.

Fale connosco

Se encontrou algum erro ou incorreção no artigo, alerte-nos. Muito obrigado.