Verity Beck, de 49 anos, está a ser acusada de homicídio pelas autoridades norte-americanas. Terá assassinado os pais, cada um com um tiro na cabeça. Depois, terá separado os membros e colocado os restos mortais em sacos do lixo.

Reid Beck, com 73 anos, e Miriam Beck, com 72, foram encontrados mortos em casa, no estado norte-americano sa Pensilvânia. Justin Beck, também filho do casal, estranhou a ausência dos pais, com quem tinha estabelecido contacto pela última vez a 7 de janeiro. Quando as autoridades chegaram ao local, os corpos já estavam num estado de decomposição avançado.

Mulher que morreu na queda do avião no Nepal perdeu o marido 17 anos antes da mesma forma
Mulher que morreu na queda do avião no Nepal perdeu o marido 17 anos antes da mesma forma
Ver artigo

Verity Beck terá utilizado uma motosserra para mutilar os pais. O motivo que a terá levado a cometer este crime continua por decifrar, embora a polícia tenha reparado que alguém tentou abrir o cofre da casa, nota o "Daily Mail". A norte-americana já foi levada a tribunal.

O irmão, Justin Beck, que alertou as autoridades esta terça-feira, 17 de janeiro, reparou que, embora os carros dos pais estivessem estacionados na propriedade, todas as luzes permaneciam desligadas. Quando confrontou a irmã, ouviu que o cenário "andava mau" lá por casa.

Verity Beck vivia com os pais, aos 49 anos. "Onde estão os seus pais?", terá questionado um dos agentes, à chegada à propriedade. "Estão mortos", terá respondido Verity, que saiu algemada, de acordo com o mesmo jornal. Foram encontradas três armas no quarto de Verity.

As coisas MAGGníficas da vida!

Siga a MAGG nas redes sociais.

Não é o MAGG, é a MAGG.

Siga a MAGG nas redes sociais.

Fale connosco

Se encontrou algum erro ou incorreção no artigo, alerte-nos. Muito obrigado.