Depois de Joe Biden ser declarado presidente-eleito dos Estados Unidos no sábado passado, 7 de novembro, Donald Trump falou pela primeira vez sobre a vitória do rival. Através do Twitter, o atual chefe de estado dos EUA admitiu que o partido democrata venceu, mas apenas por meios ilegais, apesar de tanto Trump como os membros da sua equipa continuarem incapazes de mostrar provas que sustentem as acusações.

Joe Biden é eleito presidente dos Estados Unidos. Pensilvânia deu a vitória ao candidato democrata
Joe Biden é eleito presidente dos Estados Unidos. Pensilvânia deu a vitória ao candidato democrata
Ver artigo
"Ele [Joe Biden] ganhou porque as eleições foram viciadas", escreveu Donald Trump no Twitter, numa publicação onde também refere que não foram permitidos observadores, para além de apontar o dedo à "esquerda radical" e aos "meios de comunicação falsos e silenciosos".

Numa segunda publicação, o atual presidente dos Estados Unidos volta a referir que Joe Biden apenas "ganhou aos olhos dos meios de comunicação falsos" e recusa-se a conceder a vitória. "Temos um longo caminho para percorrer. Esta eleição foi viciada", escreveu.

No fim de semana passado, Joe Biden fez o seu discurso de vitória no Delaware, com Kamala Harris ao seu lado, a primeira vice-presidente mulher a ser eleita nos Estados Unidos. Até ao momento, e com a contagem dos votos a ser ultimada, o candidato democrata reúne 306 votos no Colégio Eleitoral — precisava apenas de 270 para ser declarado o vencedor das presidenciais.

Subscreva a newsletter da MAGG.
Subscrever

As coisas MAGGníficas da vida!

Siga a MAGG nas redes sociais.

Não é o MAGG, é a MAGG.

Siga a MAGG nas redes sociais.

Fale connosco

Se encontrou algum erro ou incorreção no artigo, alerte-nos. Muito obrigado.