Joe Biden e Kamala Harris, presidente e vice-presidente eleitos dos EUA, respetivamente, são as Personalidades do Ano para a revista "Time". O anúncio foi feito esta sexta-feira, 11 de dezembro, pela publicação que mostrou também como será a capa da edição comemorativa da revista.

A distinção, através da capa, do democrata de 78 anos e a da primeira mulher a assumir a vice-presidência no país, deixa para trás outros três finalistas que concorriam à mesma nomenclatura — como o movimento #BlackLivesMatter após a morte de George Floyd, o homem negro que perdeu a vida às mãos de um polícia branco por uso indevido e excessivo de força; o epidemiologista Anthony Fauce; e Donald Trump.

Kamala Harris: Quem é a mulher escolhida por Joe Biden para a luta contra Donald Trump?
Kamala Harris: Quem é a mulher escolhida por Joe Biden para a luta contra Donald Trump?
Ver artigo

Na capa divulgada pela "Time", os retratos de Joe Biden e Kamala Harris surgem com um subtítulo de esperança que foi, aliás, uma das componentes assentes nas suas campanhas eleitorais: "Mudando a história da América".

Num editorial que visa a explicar a escolha destas duas personalidades para a capa da revista, a revista "Time" diz que todos os presidentes desde Franklin D. Roosevelt foram, "em algum momento, durante o seu mandato, Personalidade do Ano".

No entanto, a publicação explica que esta é a primeira vez que um vice-presidente merece tal distinção. A explicação, claro, está no facto de Kamala Harris ser "a primeira mulher eleita para o cargo, filha de pai jamaicano e de mãe indiana". A escolha, portanto, "é uma mensagem poderosa" num ano que fica marcado pela "luta pela justiça racial", e que talvez por isso a dupla tenha conseguido obter o maior número de votos de sempre nas urnas.

Desde meados de 1927 que a revista escolhe personalidades, grupos de pessoas ou movimentos que tenham marcado o ano "para melhor e pior". Em 2019, por exemplo, a "Time" distinguiu a ativista Greta Thunberg como Personalidade do Ano — sendo a pessoa mais jovem de sempre a conseguir tal distinção.

Subscreva a newsletter da MAGG.
Subscrever

As coisas MAGGníficas da vida!

Siga a MAGG nas redes sociais.

Não é o MAGG, é a MAGG.

Siga a MAGG nas redes sociais.

Fale connosco

Se encontrou algum erro ou incorreção no artigo, alerte-nos. Muito obrigado.