Um menino de 12 anos morreu na noite desta quinta-feira, 10 de novembro, depois de ter inalado um spray ambientador para a casa, no que terá sido uma brincadeira com o seu grupo de amigos. Na sequência do incidente, um desses amigos pediu ajuda a uma vizinha, que chamou uma ambulância e as autoridades, depois de saber o que tinha acontecido. Enquanto os médicos não chegavam, um polícia tentou reanimar o rapaz com manobras de reanimação cardiopulmonar, mas sem sucesso. O miúdo foi depois transportado para o Hospital Regional Río Gallegos, na Argentina, onde acabou por morrer, horas depois de ter dado entrada.

Perigo. Novo desafio viral do TikTok mostra adolescentes a fumar cotonetes
Perigo. Novo desafio viral do TikTok mostra adolescentes a fumar cotonetes
Ver artigo

O exame forense não conseguiu obter respostas, assinalando a causa da morte como desconhecida, mas o Tribunal Criminal de Menores ordenou a realização de uma autópsia para apurar as verdadeiras razões da morte deste jovem, tal como aponta o jornal argentino "La Voz".

De momento, encontram-se à espera dos resultados dos exames toxicológicos e de sangue, mas a Justiça já tem uma forte suspeita, de acordo com o que terão sido os testemunhos dos amigos presentes no local: o rapaz inalado um spray ambientador caseiro, o que lhe terá provocado uma qualquer reação que levou à morte. A equipa de investigação policial fez já depois disso uma busca ao local e encontrou não um, mas dois sprays ambientadores. O incidente terá ocorrido na sequência de uma brincadeira, ou desafio, entre os amigos.

As coisas MAGGníficas da vida!

Siga a MAGG nas redes sociais.

Não é o MAGG, é a MAGG.

Siga a MAGG nas redes sociais.

Fale connosco

Se encontrou algum erro ou incorreção no artigo, alerte-nos. Muito obrigado.