A poucos dias das eleições presidenciais que prometem mudar os Estados Unidos e o mundo, o número de eleitores que já votaram promete exceder aquele que há quatro anos, e precisamente nesta altura, se registava nos vários estados. E porque as eleições acontecem num ano atípico, do lado dos Democratas o apelo tem sido para a mobilização ao voto de forma a derrotar o atual presidente, Donald Trump — que tem vindo a cair nas sondagens muito devido à ineficácia em controlar o surto da COVID-19 no país.

Foi precisamente para apelar ao voto que o ex-presidente Barack Obama, que apoiou formalmente a candidatura de Joe Biden para estas eleições, telefonou a alguns eleitores dos EUA para os incentivar a votar. O vídeo de um dos telefonemas foi publicado este sábado, 31 de outubro, na página oficial de Instagram de Joe Biden pela usa equipa de campanha eleitoral.

"Barack Obama já votou, mas ele sabe que ainda há muito trabalho a fazer antes do dia da eleição", lê-se no texto que serve como legenda ao vídeo que, à data da publicação deste artigo, conta já com mais de 580 mil reproduções e mais de quatro mil comentários.

Biden ou Trump? Como lusodescendentes nos EUA e americanos a viver em Portugal veem as eleições
Biden ou Trump? Como lusodescendentes nos EUA e americanos a viver em Portugal veem as eleições
Ver artigo

O vídeo mostra Obama a fazer um telefonema, que é atendido por uma mulher chamada Alyssa, surpreendida ao aperceber-se de que está a falar com o anterior presidente dos EUA.

"Olá, Alyssa. Daqui fala Barack Obama. Já fui o presidente, não sei se se recorda. Estou a fazer alguns telefonemas para apelar ao voto em Joe Biden e a Alyssa é uma das pessoas a quem decidi telefonar. A única coisa que quero fazer é recordá-la de que o dia da eleição acontece na terça-feira e que vai ser renhida. Por isso, adorava que pudesse votar no Joe Biden", referiu Obama ao telefone. A mulher respondeu que iria votar e que mal podia esperar pelo momento de o fazer.
O ex-presidente, pela sua vez, apelou para que Alyssa incentivasse amigos, colegas e familiares a votar para aumentar a distância de Joe Biden, que continua à frente nas últimas sondagens, face a Donald Trump. As eleições estão marcadas para esta terça-feira, 3 de novembro. Veja o vídeo.

Subscreva a newsletter da MAGG.
Subscrever

As coisas MAGGníficas da vida!

Siga a MAGG nas redes sociais.

Não é o MAGG, é a MAGG.

Siga a MAGG nas redes sociais.

Fale connosco

Se encontrou algum erro ou incorreção no artigo, alerte-nos. Muito obrigado.