Nudes, esse flagelo do mundo digitalizado e do online dating que pode ter péssimas consequências, tanto para quem recebe, como para quem envia. É como diz a revista "Wired", num artigo de análise ao fenómeno: "As dick picks estão por todo o lado e ninguém sabe o que fazer com isto."

Bem, quase ninguém. Mariclare Michelle, uma jovem de 23 anos, de Seatlle, no estado americano de Washinton, provou-nos exatamente o contrário, como mostram os print screens que partilhou nas redes sociais e que foram tema de uma notícia no site "Bored Panda". Há uma resposta capaz de afastar os tarados que, sem que ninguém tenha solicitado, enviam imagens das suas partes íntimas. 

Joana Amaral Dias vai partilhar "dick pics". "Se gostam de se expor, porque não expor publicamente?"
Joana Amaral Dias vai partilhar "dick pics". "Se gostam de se expor, porque não expor publicamente?"
Ver artigo

O momento divide-se em sete partes.

1. O início. Tudo começou numa conversa no chat de Facebook: um homem começa a elogiá-la, reparando depois que ela é comprometida. "Bem, obrigada. Mas sim, estou comprometida. Desculpa."

nudes

2. A insistência. Ainda assim ele insiste. Primeiro, reforça a possibilidade de serem amigos, investindo depois, novamente, nos elogios: "Essas sardas".

3. A fotografia não solicitada. É depois disto que a coisa vai por terra abaixo. Ele envia-lhe uma imagem do seu pénis e pergunta: "Gostas?". O jogo começa. Mariclare Finge que não consegue ver: "Desculpa, eu não consigo ver a imagem. O que é que enviaste? Um meme?". Ao que ele responde. "Não propriamente."

4. O grande truque. "O que era? Normalmente não consigo ver fotografias se tiverem nudez. Tenho um bloqueio no meu telemóvel, que envia informação dos dados da imagem automaticameente às autoridades locais. Eu sei que é parvo, mas nunca se é demasiado cuidadoso com os tarados da internet, que enviam dick picks não solicitadas (emoji sorridente).

5. O susto. O autor e protagonista da imagem entra em pânico: "Estás a falar a sério?". "Absolutamente. Que rapariga é que não usa isto? Todas as minhas amigas têm. O que é que me enviaste?". Ele admite: "Enviei-te isso. Tive a beber demasiado.

6. Vamos só gozar mais um pouco. Ela insiste: "Bem, odeio dizer-te mas essas fotografias estão provavelmente a ser analisadas pela unidade local de Crimes Sexuais Contra Mulheres. Provavelmente já têm imagens da tua cara por causa do teu perfil. Devias arranjar um advogado. Ah, beber demasiado? Não sei se isso fará muito sentido."

nudes

7. O adeus. E, por fim, ele bloqueia-a. E nunca mais a incomoda.

Ao partilhar a sua história, além de fornecer uma arma a várias mulheres, que acharam o método hilariante (o post foi comentado 3.700 vezes), deu conta da enorme quantidade de pessoas que já receberam este tipo de imagens. Pior: há quem peça fotografias com nudez em troca de dinheiro.

De acordo com um estudo realizado no Reino Unido, pela YouGov, quase metade das mulheres da geração millennial receberam nudes não solicitadas — de acordo com os dados, 41% das inquiridas, com idades entre os 18 e 36 anos passaram por isto. 5% dos homens incluídos no inquérito admitiram que já tinham enviado imagens do seu pénis, sem que ninguém a tivesse pedido.

Newsletter

A MAGG é uma revista digital pensada para mulheres e focada nas preocupações centrais da vida de cada uma. Falamos de tudo o que está a acontecer de forma descontraída mas rigorosa.
Subscrever

Notificações

A MAGG é uma revista digital pensada para mulheres e focada nas preocupações centrais da vida de cada uma. Falamos de tudo o que está a acontecer de forma descontraída mas rigorosa.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.

Fale connosco

Se encontrou algum erro ou incorreção no artigo, alerte-nos. Muito obrigado.