O bar de strip Doll House Gentlemen's Club, em Ponta Delgada, está na origem da maior cadeia de transmissão nos Açores que está a deixar as autoridades de saúde alarmadas. Até ao momento, há já 102 pessoas por terem estado, de alguma forma, ligadas ao estabelecimento, mas as autoridades acreditam que o número de casos poderá vir a aumentar nos próximos dias, avança o "Correio da Manhã".

A primeira infeção associada ao clube de diversão noturno foi registado a 4 de novembro, mas bastaram apenas dois dias para que fossem identificadas mais seis. Os sete primeiros casos de contágio, sabe-se agora, são de funcionárias do bar com idades entre os 22 e os 46 anos. O caso de contágio mais recente foi detetado esta terça-feira, 17 de novembro. 

"No contexto da investigação epidemiológica relacionada com um estabelecimento de diversão em Ponta Delgada, na ilha de São Miguel, foi diagnosticado um indivíduo do sexo feminino, de 27 anos", pode ler-se no comunicado da Secretaria Regional da Saúde, ao qual o mesmo jornal teve acesso.

COVID-19. Revelado primeiro caso de reinfeção conhecido em Portugal
COVID-19. Revelado primeiro caso de reinfeção conhecido em Portugal
Ver artigo

No mesmo documento, as autoridades de saúde responsáveis por identificar as cadeias de transmissão ativas dizem que "foi estabelecida uma ligação epidemiológica entre a cadeia de transmissão associada a um estabelecimento de ensino superior reportada na ilha de São Miguel e referente a um estabelecimento de diversão situado em Ponta Delgada". Terão sido esses dois surtos a obrigar a uma "reconfiguração das cadeias".

O comunicado surge depois de, no início de novembro, as autoridades terem apelado a todos os que frequentaram o espaço Doll House Gentlemen's Club entre 30 e 31 de outubro e 2 e 3 de novembro, contactassem a linha de Saúde Açores para que fosse agilizada a marcação de um teste de despiste à COVID-19.

Além disso, apelaram também a que todos os que tivessem frequentado o espaço nessas datas se mantivessem em isolamento já que o clube noturno foi sinalizado como um dos pontos de origem do surto. Desde então que o bar se encontra encerrado.

Subscreva a newsletter da MAGG.
Subscrever

As coisas MAGGníficas da vida!

Siga a MAGG nas redes sociais.

Não é o MAGG, é a MAGG.

Siga a MAGG nas redes sociais.

Fale connosco

Se encontrou algum erro ou incorreção no artigo, alerte-nos. Muito obrigado.