Há mais 11 mortes e 1.135 novos casos de infeção em Portugal pelo novo coronavírus. São estes os dados divulgados esta segunda-feira, 16 de agosto, pela Direção-Geral da Saúde (DGS), no novo boletim epidemiológico referente à evolução da crise sanitária no País.

Gouveia e Melo recebido com insultos em Odivelas por manifestantes anti-vacinas
Gouveia e Melo recebido com insultos em Odivelas por manifestantes anti-vacinas
Ver artigo

Devido ao aumento dos internamentos por COVID-19, o Centro Hospitalar e Universitário do Algarve decidiu suspender ou interromper as férias de médicos, enfermeiros e assistentes operacionais, decisão que entra em vigor a partir desta segunda-feira, notícia a "TSF". 

A decisão sobre quem será necessário chamar para preencher as escalas fica ao critério dos diretores dos serviços clínicos e dos enfermeiros gestores, mas, de acordo com a nota do Conselho de Administração a que a "TSF" teve acesso, há regras. A decisão deve ser previamente explicada aos profissionais por via telefónica ou presencialmente, e os trabalhadores que tenham gasto dinheiro com as férias ou que tenham um prejuízo financeiro grave têm direito a um reembolso, escreve a fonte noticiosa.

Quanto à vacinação dos jovens de 16 e 17 anos que marcou este fim de semana, sabe-se que até às 18h50 deste domingo, 15 de agosto, tinham sido inoculados mais de 153 mil adolescentes com esta idade. A confirmação foi dada à agência Lusa por fonte oficial do grupo de trabalho responsável pela vacinação.

A partir de segunda-feira, 16 de agosto, passará a estar disponível a modalidade "casa aberta" para os utentes elegíveis com idade igual ou superior a 16 anos.

Subscreva a newsletter da MAGG.
Subscrever

As coisas MAGGníficas da vida!

Siga a MAGG nas redes sociais.

Não é o MAGG, é a MAGG.

Siga a MAGG nas redes sociais.

Fale connosco

Se encontrou algum erro ou incorreção no artigo, alerte-nos. Muito obrigado.