Em novembro começamos a ver algumas destas refeições chegar a determinadas lojas da cadeia. De repente, já não era só de pão de Deus e croissants que vivia a Padaria Portuguesa. Agora, as refeições caseiras e vendidas congeladas chegam a 30 lojas da cadeia, abrangendo assim toda a Lisboa.

Os pratos estão a cargo da Brando, uma cozinha que prepara refeições congeladas para facilitar a vida a quem as compra. A ideia aqui é escolher entre os diversos pratos disponíveis — sempre com opções de carne, peixe e vegetariano —, levar para casa congelado e aquecer no micro-ondas. Em dez minutos, está a refeição preparada, dando força ao hashtag criado pela marca para impulsionar esta ideia: #ValeAPenaNãoCozinhar.

O formato é pensado para duas pessoas e custa 9,95€. Além dos pratos principais, há ainda os acompanhamentos, como legumes assados, arroz ou puré de couve-flor, e as sobremesas não foram esquecidas, com as opções de arroz doce e mousse de chocolate e caramelo salgado.

A Padaria Portuguesa já tem app e há um desconto apetitoso para os primeiros a chegar
A Padaria Portuguesa já tem app e há um desconto apetitoso para os primeiros a chegar
Ver artigo

O menu está disponível no site, e as encomendas podem ser feitas através da Uber Eats ou Glovo, além de tudo estar disponível em regime de take away.

Nas lojas, e de forma a dar a conhecer a Brando aos clientes, estão a ser dados vales de desconto, que podem chegar aos 4€, para serem usados na encomenda seguinte.

Veja aqui as lojas nas quais pode encontrar as refeições da Brando: Alcântara, Alfragide, Almada, Alto de Algés, Alto dos Moinhos, Amadora, Av. Álvares Cabral, Av. da Igreja, Av. João XXI, Benfica, Campo de Ourique, Campo Mártires da Pátria, Carnaxide, Cascais, Centro Comercial da Portela, Colinas do Cruzeiro, Expo Norte, Expo Sul, Laranjeiras, Linda-a-Velha, Lumiar, Miraflores, Oeiras, Olivais, Parede, Príncipe Real, Restelo, Rua Rodrigo da Fonseca, Telheiras, Telheiras - Quinta dos Inglesinhos.

As coisas MAGGníficas da vida!

Siga a MAGG nas redes sociais.

Não é o MAGG, é a MAGG.

Siga a MAGG nas redes sociais.

Fale connosco

Se encontrou algum erro ou incorreção no artigo, alerte-nos. Muito obrigado.