O crime aconteceu no início de agosto, “pouco depois das 22 horas”, quando a advogada britânica de 40 anos, se encontrava sozinha a ver televisão, na sua mansão, na Quinta do Lago, no Algarve.

Carolyn Radford relata o assalto num longo post no Instagram para explicar a sua ausência nas redes sociais. Roubaram uma vida de joias e relógios com valor de mercado um pouco abaixo de um milhão, mas principalmente isto deixou-me totalmente exausta, traumatizada e devastada”, revela aos seguidores, adiantando que está feliz pelos filhos “não estarem no momento em que entraram”. 

O caso ainda se encontra em investigação pela Polícia Judiciária. No entanto, Carolyn pede a quem tenha informações sobre o assalto “que contacte diretamente ou confidencialmente, as autoridades”.  Acrescenta que "mais do que a perda dos bens pessoais", a segurança da sua família foi “totalmente violada”.  

Carolyn e o marido John, que são dos donos do Mansfield Town FC, clube da segunda divisão inglesa. O casal, que tem três filhos, trocou Inglaterra pelo Algarve há dois anos, de acordo com o "Jornal de Notícias". E este não foi o primeiro assalto de que foram alvo. Há cerca de 18 meses viu o seu anel de noivado ser arrancado do dedo enquanto levava os filhos à escola, em Portugal. Os assaltantes nunca foram apanhados. Em Inglaterra, em 2019, o casal já tinha tido a casa assaltada por um gangue especializado em roubos de habitações de luxo. 

A britânica é mãe de Hugo e dos gémeos Rupert e Albert. Carolyn Radford ficou célebre quando se tornou uma das mais jovens mulheres a presidir um clube de futebol. O casal não é discreto na forma como mostra os seus bens materiais e a sua mansão, situada numa das zonas mais caras e exclusivas do Algarve, não só partilhando imagens nas redes sociais como protagonizando sessões fotográficas para revistas. 

As coisas MAGGníficas da vida!

Siga a MAGG nas redes sociais.

Não é o MAGG, é a MAGG.

Siga a MAGG nas redes sociais.

Fale connosco

Se encontrou algum erro ou incorreção no artigo, alerte-nos. Muito obrigado.