O dever geral de recolhimento continua a ser obrigatório e aos fins de semana é ainda proibido circular entre concelhos, contudo o bom tempo tem feito com que muitas pessoas saiam de casa e se dirijam a espaços público de lazer para realizar os chamados passeios higiénicos.

Quase quatro milhões de portugueses saíram à rua este sábado
Quase quatro milhões de portugueses saíram à rua este sábado
Ver artigo

O facto de nos últimos fins de semana se ter vindo a verificar uma maior concentração de pessoas junto ao rio Tejo fez com que este fim de semana, 13 e 14 de março, a Polícia de Segurança Pública decidisse reforçar a vigilância nestes locais. Em Lisboa, foram vedados os acessos ao passeio ribeirinho e uma dezena de agentes foi ainda mobilizada para vigiar os acessos à Torre de Belém, jardins e espaços públicos de lazer.

A notícia foi avançada este domingo, 14, pelo jornal "Correio da Manhã" que refere ainda que nesta zona da capital, também está proibida a prática desportiva ao ar livre, apesar desta ser uma das exceções do estado de emergência, decretado pelo Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa.

Subscreva a newsletter da MAGG.
Subscrever

As coisas MAGGníficas da vida!

Siga a MAGG nas redes sociais.

Não é o MAGG, é a MAGG.

Siga a MAGG nas redes sociais.

Fale connosco

Se encontrou algum erro ou incorreção no artigo, alerte-nos. Muito obrigado.