Charles Villiers, primo afastado de Camilla Parker-Bowles, foi encontrado sem vida num hotel em Londres na quinta-feira, 18 de agosto. De acordo com o "The Times", Charles, de 59 anos, foi encontrado por uma funcionária do hotel Durrants, em Londres, na semana passada. O mesmo jornal adianta ainda que Villiers terá cometido suicídio.

Villiers, que é primo da duquesa da Cornualha do lado materno, e a ex-companheira, protagonizaram um dos mais longos processos de divórcio de que há memória no Reino Unido. O pedido de divórcio deu entrada nos tribunais em 2014 e permanece sem resolução à vista. De acordo com o "Daily Mail", o litígio passou por cinco tribunais e pelas mãos de 20 juízes ao longo de oito anos. Chegou mesmo a envolver uma investigação policial à alegada bigamia de Emma Villiers, acusações que se provaram falsas.

Emma e Charles Villiers
Emma e Charles Villiers créditos: DR

A batalha legal entre Charles e Emma Villuers arrastava-se nos tribunais desde 2014. A ex-mulher do aristocrata exigia um acordo de 4,15 milhões de euros mas, em março de 2021, um juiz do tribunal de família decidiu que, como Charles Villiers tinha várias dívidas, não deveria pagar qualquer pensão de alimentos à antiga companheira, com quem tem uma filha. O mesmo juiz afirmou que tanto Charles como Emma se endividaram devido ao litígio "terrível" que se arrastava nos tribunais e que tinha suspeitas que a batalha judicial os tinha deixado "com danos psicológicos".

Camilla, duquesa da Cornualha, completa 75 anos. Aniversário é assinalado com novo retrato oficial
Camilla, duquesa da Cornualha, completa 75 anos. Aniversário é assinalado com novo retrato oficial
Ver artigo

Esta decisão, no entanto, foi contestada por Emma, e o processo voltou à estaca zero. Na audiência mais recente, o tribunal decidiu que Charles Villiers deveria pagar a Emma uma pensão de alimentos anual de 11.800€, tendo ficado agendada mais uma audiência, na qual seria avaliado se Villers teria beneficiado de uma herança do pai.

O primo de Camilla Parker Bowles estaria com dificuldades financeiras e teria estado a viver no iate de um amigo, nas ilhas gregas, no início do mês de agosto. Amigos de Villiers terão incentivado a que este regressasse ao Reino Unido, após demonstrarem preocupação com a sua saúde mental.

Chegou ao hotel no dia 17 de agosto, e terá morrido no dia seguinte. Charles Villiers estava noivo da cantora de opera Heidi Innes, mas esta terminou a relação em fevereiro este ano, alegando que Villiers não era quem aparentava ser e que se tinha "portado mal".

Precisa de ajuda? Estas são as linhas de Apoio e de Prevenção do Suicídio em Portugal

SOS VOZ AMIGA
Horário: 16:00 – 24:00
Contacto Telefónico: 213 544 545 | 912 802 669 | 963 524 660
Linha Verde gratuita: 800 209 899 (21:00 – 24:00)

CONVERSA AMIGA
Horário: 15:00 – 22:00
Contacto Telefónico: 808 237 327 | 210 027 159

VOZES AMIGAS DE ESPERANÇA DE PORTUGAL
Horário: 16:00 – 22:00
Contacto Telefónico: 222 030 707

TELEFONE DA AMIZADE
Horário: 16:00 – 23:00
Contacto Telefónico: 222 080 707

As coisas MAGGníficas da vida!

Siga a MAGG nas redes sociais.

Não é o MAGG, é a MAGG.

Siga a MAGG nas redes sociais.

Fale connosco

Se encontrou algum erro ou incorreção no artigo, alerte-nos. Muito obrigado.