Diz a lenda que, aquando o nascimento de Jesus, chegaram a Belém três Reis Magos para lhe oferecer presentes. Desde que foram tornados santos no século VIII, os Reis Magos e a sua simbologia foram marcando as tradições pelo mundo cristão. Este ano, celebra-se com enologia de Rui Reguinga e assinatura Lima Mayer em três vinhos tintos, agora com quantidades generosas — tal como foram os presentes dos três Reis Magos.

A nova gama Três Reis Magnuns diz respeito aos vinhos Subsídio, Lima Mayer e 2 Tintos, que acabam de ser lançados em garrafas de 1,5 litros. Servem para regar bem as celebrações do Dia de Reis (6 de janeiro) que em Portugal são compostas novamente por bacalhau e batatas cozidas, prato que antecede o tradicional Bolo Rei para sobremesa (e, já agora, que a escolha recaia sobre o melhor).

Os três vinhos são todos produzidos na Quinta de São Sebastião, com mais de 800 anos, localizada no Alto Alentejo, em Monforte, mas distintos nas características.

Convento do Espinheiro convida a fugir quatro ou mais noites, com direito a jacuzzi e vinhos
Convento do Espinheiro convida a fugir quatro ou mais noites, com direito a jacuzzi e vinhos
Ver artigo

Como que associando cada um aos três presentes levados por Belchior, Gaspar e Baltazar, podemos dizer que o vinho 2 Tintos (70,63€), de 2016, é o ouro. É feito a partir de um blend de Petit Verdot e Alicante Bouschet e o resultado é um vinho de cor intensa, muito bem estruturado, macio e com final persistente e elegante. O Alentejo foi a sua casa de estagio durante 16 meses, mas o teto feito de barricas de carvalho francês.

Já para o incenso, o Subsídio (13€), de 2018, será o que melhor encaixa. Sendo este presente oferecido por Gaspar o que desperta o olfato, o vinho tinha também de seguir a regra e fá-lo através do aroma a fruto maduro. O Subsídio estagiou oito meses em cuba de inox e dois meses em garrafa — essa que agora está mais volumosa — e não poupou nas castas. Resulta da Aragonês, Syrah, Cabernet Sauvignon e Alicante Bouschet para cumprir com o mote com que foi concebido: "Contrariamente à maioria dos subsídios, este não tem cortes nem reduções".

Roteiro do ouro, incenso e mirra. O presente de cada Rei Mago convertido numa estadia
Roteiro do ouro, incenso e mirra. O presente de cada Rei Mago convertido numa estadia
Ver artigo

Por último, o Lima Mayer (19,78€) é uma espécie de mirra (secreção vegetal usada em medicina como desinfetante e analgésico), dado que veio de um estágio de 12 meses em barricas de carvalho francês, e mais seis meses em garrafa, e cura como um analgésico a sede de um bom vinho que fica na boca de forma persistente e elegante: assim faz o Lima Mayer.

Os três estão já à venda no mercado e a postos para pôr fim aos festejos de Natal e dizer adeus aos três Reis Magos do presépio, que voltam para dentro da caixa depois dos copos estarem vazios.

As coisas MAGGníficas da vida!

Siga a MAGG nas redes sociais.

Não é o MAGG, é a MAGG.

Siga a MAGG nas redes sociais.

Fale connosco

Se encontrou algum erro ou incorreção no artigo, alerte-nos. Muito obrigado.