A pandemia ditou o encerramento forçado dos restaurantes e, neste caso em particular, a pausa serviu para muito mais do que lamentar a situação. O Terra, restaurante portuense do grupo Cafeína, aproveitou para mudar de decoração e de ementa, apresentando-se agora de cara lavada para uma cidade ávida de novas experiências.

Todas as mesas foram renovadas, a iluminação, as plantas e os verdes passaram a assumir um papel ainda mais primordial no restaurante. E a segurança está garantida, uma vez que tanto nas varandas como no interior, foram criados separadores entre as mesas. Se preferir ficar no sushi bar, também foram instalados separadores entre os clientes e o sushiman, para que possa continuar a ver tudo sem correr riscos.

Morada: Rua do Padrão, 103
Horário: 12h30-14h30, 19h30-23h. Fecha à segunda-feira e à terça-feira ao almoço
Telefone: 226 177 339

A acompanhar esta mudança visual, esta a nova carta, coma assinatura do chef Camilo Jaña, que quis tornar o espaço mais multicultural, com influências da América Latina mas também da Ásia.

No sushi, as opções são muitas, mas destacamos as mais originais. Além de opções vegetarianas, há um temaki de ovas e outro de pele de salmão. O sashimi pode ser de salmão, mas também de robalo, cavala, vieira, carapau, corvina ou lírio. Há ainda peças com caranguejo, espargos ou foie gras. O melhor mesmo é deixar-se levar pelas sugestões de quem sabe e está à sua espera do outro lado do balcão.

Terra Restaurante
Barriga de porco na robata (8,70€)

Outra das grandes novidades do restaurante é a robata, uma grelha japonesa, de onde saem pratos como bimis (brócolos japoneses) com sésamo e chips de alho (7,20€), espargos verdes com vinagrete de miso (7,50€), yakitoris de frango com teriyaki (7,80€) ou barriga de porco bísaro com hoisin e citrinos (8,70€).

Os clássicos do restaurante estão lá, nada temam, mas a ideia é entrar no restaurante para uma viagem — principalmente agora que as reais estão condicionadas. Por isso, experimente o caril vermelho de frango com vegetais e amendoim (16,90€), e a rabanada de encher o olho, feita com sake, dulce de leche e soverte de limão (6,70€).

Ao almoço, o restaurante serve menus executivos, com preços entre os 16€ e os 18€, onde entram também opções de sushi.

Newsletter

A MAGG é uma revista digital pensada para mulheres e focada nas preocupações centrais da vida de cada uma. Falamos de tudo o que está a acontecer de forma descontraída mas rigorosa.
Subscrever

Notificações

A MAGG é uma revista digital pensada para mulheres e focada nas preocupações centrais da vida de cada uma. Falamos de tudo o que está a acontecer de forma descontraída mas rigorosa.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.

Fale connosco

Se encontrou algum erro ou incorreção no artigo, alerte-nos. Muito obrigado.