Avisam-nos para não falarmos com estranhos, para não andarmos sozinhos à noite e até para conduzirmos com precaução, mas ninguém nos alerta para a possibilidade de uma abelha nos arruinar a vida. E Trevor, interpretado por Rowan Atkinson, o eterno Mr.Bean, sofre na pele as consequências.

Salvador Martinha volta a fazer história na Netflix. Saiba qual o novo projeto do humorista
Salvador Martinha volta a fazer história na Netflix. Saiba qual o novo projeto do humorista
Ver artigo

Na pele e no cadastro, aliás. Já que em "Man Vs. Bee", a nova série cómica que se estreia esta sexta-feira, 24 de junho, na Netflix, este pai de família acaba mesmo em tribunal, a responder por 14 crimes (como condução perigosa, destruição de peças de arte e até fogo posto), única e exclusivamente, por causa de uma abelha. Ou de um "abelhudo intruso", como avança a sinopse.

Este homem acaba de conseguir um novo emprego, que o deixa encarregue de tomar conta de uma mansão de luxo repleta de obras de arte inestimáveis, carros clássicos e uma cadela adorável. Aparentemente, tem tudo sob controlo, já que até liga à filha a garantir que vão conseguir ir de férias. Mas tudo muda quando uma pequena e ousada abelha entra em cena.

No menu deste caos, há fogo, acidentes desastrosos e situações, no mínimo, inusitadas. Mas basta analisar o trailer, com menos de dois minutos, para perceber que o humor característico de Rowan Atkinson vai continuar a ser a estrela da festa. Pelo menos, ao longo dos nove episódios já confirmados para aquela que será a temporada inaugural.

O rosto é o mesmo, mas Trevor será bem diferente do Mr.Bean

Com Chris Clark como produtor executivo e David Kerr encarregue da realização, esperam-se nove episódios, que oscilam entre dez e 19 minutos cada, repletos de situações com as quais o público se vai identificar e uma espécie de sátira à forma como há quem confie a casa a completos desconhecidos durante semanas ou até meses de férias. Mas Rowan Atkinson deixa claro que esta nova personagem, Trevor, não será uma réplica de Mr.Bean. 

créditos: Netflix

"Não queríamos fazê-lo como se se tratasse de um projeto 'Mr.Bean'. O Mr.Bean é divertido, mas é meio anormal. É uma figura infantil e muito egocêntrico. Queria uma personagem nova e gostei da ideia de interpretar uma homem mais amável, com uma visão mais ampla e uma vida e situação relacionáveis", explica.

Do elenco, à margem de Atkinson, Jung Lusi, Tony McCarthy e Brendan Murphy, fazem ainda parte nomes como Chizzy Akudolu, que dá vida à juíza, Daniel Fearn como Lewis e, ainda, Aysha Kala na pele da detetive desta história. Todos os episódios estão disponíveis na Netflix desde as 08h01 desta sexta-feira, 24. 

Da esquerda para a direita: Greg McHugh, David Kerr, Rowan Atkinson, Claudie Blakley, India Fowler, Tom Basden, Jing Lusi e, ainda, Chris CLark. créditos: Netflix / Sama Kai

Para Atkinson, "o propósito da comédia é ofender"

Fora de projetos de ficção desde 2018, ano em que se estreou o filme "Johnny English Strikes Again", Rowan Atkinson regressa com uma visão bem vincada daquilo que considera (ou não) comédia.

Não foi o Chris Rock que levou um estaladão, foram todos os humoristas que acham que no humor vale tudo. Não vale
Não foi o Chris Rock que levou um estaladão, foram todos os humoristas que acham que no humor vale tudo. Não vale
Ver artigo

Numa entrevista ao jornal "The Irish Times", abordou sem pudores os limites do humor e arrasou a chamada "cancel culture" (cultura do cancelamento, em português).

Para o ator britânico, "o propósito da comédia é ofender, ou pelo menos ter o potencial para ofender". "Não lhe podemos tirar esse potencial. Todas as piadas têm uma vítima. É essa a definição de piada", começou por explicar.

Com a ressalva de que a comédia não serve apenas para troçar dos mais poderosos, e apesar de reconhecer que "nem todas as piadas são para todos", Atkinson acrescenta ainda que acredita que, "numa sociedade verdadeiramente livre, devemos poder fazer piadas sobre tudo".

As coisas MAGGníficas da vida!

Siga a MAGG nas redes sociais.

Não é o MAGG, é a MAGG.

Siga a MAGG nas redes sociais.

Fale connosco

Se encontrou algum erro ou incorreção no artigo, alerte-nos. Muito obrigado.