Alguma vez imaginou que em vez de uma clara e de uma gema dentro de uma casca de ovo ia encontrar uma pessoa? Provavelmente não, a não ser que a sua imaginação seja tão fértil como a de Tiago Silva — um português perito em ilusão ótica, que em conversa com a MAGG admite que tudo acontece naturalmente.

"As ideias surgem de uma forma muito espontânea quando vejo um objeto que acho interessante, um graffiti ou uma parede que pode ser um bom cenário para uma foto. Basicamente, pode surgir a qualquer altura e lugar. É só deixar a magia acontecer", conta.

No Instagram é mais conhecido como @umtiago, mas às vezes parecem dois ou três. É que o jovem de 26 anos tem o poder de multiplicar-se sem recorrer a nenhuma montagem ou manipulação de fotografia, apesar de muitas pessoas acharem que sim. "Eu levo isso como um elogio. É sinal que as fotos estão muito bem feitas", diz Tiago.

É tudo fruto das suas ideias e do esforço necessário para alcançar o resultado final: colocar a nossa cabeça às voltas até conseguir perceber aquilo que estamos a ver na imagem. Mas como é que tudo começou?

"Sempre achei que tirar fotos ao meu prato de comida ou ao pôr do sol era demasiado cliché. Então tentei começar a fazer algo diferente e assim surgiu este meu estilo de fotografia: tentar ver sempre algo diferente onde ninguém nunca viu", conta Tiago, licenciado em publicidade e marketing na Escola Superior de Comunicação Social.

25 fotos incríveis da vida selvagem que foram distinguidas em 2020
25 fotos incríveis da vida selvagem que foram distinguidas em 2020
Ver artigo

De Lisboa foi para Düsseldorf, na Alemanha, onde vive atualmente, país onde têm lugar algumas das fotografias que publica no Instagram. Pelo meio encontra outras nos Países Baixos, no Reino Unido ou na Bélgica, e há uma razão para isso: "Viajar é sempre a forma mais fácil de tirar fotografias porque são sítios que nunca vi antes e isso torna tudo muito mais fresco e original", refere Tiago, que apesar de fotografar pelo mundo, não esquece cidades portuguesas, como Porto ou Viseu.

A criatividade já lhe valeu parcerias com marcas como Apple, Netflix, Fujifilm, Smart, Levis, mostrando que as fotografias tornaram-se em algo mais sério do que Tiago esperava. Quanto à seguinte ilusão ótica, o português revela que será apenas "a próxima", porque tudo depende daquilo que irá cruzar-se no seu caminho até lá.

Por enquanto, pode espreitar as imagens de ilusão ótica que o jovem de 26 anos tem partilhado no Instagram.

Newsletter

A MAGG é uma revista digital pensada para mulheres e focada nas preocupações centrais da vida de cada uma. Falamos de tudo o que está a acontecer de forma descontraída mas rigorosa.
Subscrever

Notificações

A MAGG é uma revista digital pensada para mulheres e focada nas preocupações centrais da vida de cada uma. Falamos de tudo o que está a acontecer de forma descontraída mas rigorosa.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.

Fale connosco

Se encontrou algum erro ou incorreção no artigo, alerte-nos. Muito obrigado.