De manhã à noite, à exceção de uma parte da estreia de "All Together Now", a vitória da SIC sobre a TVI, este domingo, 7 de março, foi inequívoca. No total, a estação de Paço de Arcos registou 23,2% de share, ficando à frente da TVI (17,5%) e da RTP1 (9,5%).

Este é, de acordo com comunicado do grupo Impresa, o "melhor domingo em 4 anos, desde 25 de dezembro de 2016" e também "o valor mais alto desde o dia 9 de março de 2020". À tarde, "Domingão — Especial Mulheres das Nossas Vidas" fez o melhor share de sempre (22,3%), tendo sido acompanhado por 976 mil pessoas. Na TVI, "Somos Portugal", ficou-se pelos 14,5% e 627 mil telespectadores.

Ganho o acesso ao prime time, a TVI esteve sempre em desvantagem, exceto no confronto entre "All Together Now" e "A Máscara". "Isto é Gozar Com Quem Trabalha" voltou a ser o programa mais visto do dia, com 1,62 milhões de telespetadores e 28% de share. O programa de Ricardo Araújo Pereira terminou e, sem intervalo, arrancou o último episódio de "Terra Brava", que foi o segundo programa mais visto do dia (1,6 milhões de telespectadores e 29,1%) de share.

Padres, concertinas e até o Michael Jackson. O “All Together Now” é o “The Voice” em ácidos
Padres, concertinas e até o Michael Jackson. O “All Together Now” é o “The Voice” em ácidos
Ver artigo

Enquanto esteve no ar a novela da SIC (entre as 21h30 e as 22h20), "All Together Now" não bateu a concorrência. Mas, assim que arrancou a final de "A Máscara", Cristina Ferreira seguiu na liderança. A estreia do talent show foi vista por 1,4 milhões de telespectadores e registou 28,4% de share. A final de "A Máscara" foi vista por 1,2 milhões e registou 25,7% de share.

O segmento de revelação do vencedor de "A Máscara" também bateu o "Extra Especial" do "Big Brother — Duplo Impacto". O momento em que Pedro Granger se sagrou vencedor foi visto por um milhão de telespectadores e registou 37,3% de share. O especial do reality show foi acompanhado por 859 mil telespectadores e registou 24,% de share.

Subscreva a newsletter da MAGG.
Subscrever

As coisas MAGGníficas da vida!

Siga a MAGG nas redes sociais.

Não é o MAGG, é a MAGG.

Siga a MAGG nas redes sociais.

Fale connosco

Se encontrou algum erro ou incorreção no artigo, alerte-nos. Muito obrigado.