"Estou muito feliz por estar de novo aos domingos à noite". Há 31 meses que Cristina Ferreira não tem um programa regular naquele que é o mais nobre dos horários da TV linear. Esse jejum, que dura deste a quinta edição de "A Tua Cara Não Me é Estranha", vai ser quebrado já em março, com a estreia de "All Together Now".

O talent show, uma adaptação da versão original britânica da BBC, vai ocupar na TVI o espaço onde são atualmente emitidas as galas do "Big Brother - Duplo Impacto". Se o reality show, que foi recentemente prolongado até abril, se vai mudar para os sábados ou não, fica a incógnita. Essa e a data de estreia de "All Together Now", que Cristina Ferreira preferiu não desvendar na apresentação do formato à comunicação social.

"All Together Now". Primeiras imagens revelam jurados e lágrimas. Muitas lágrimas
"All Together Now". Primeiras imagens revelam jurados e lágrimas. Muitas lágrimas
Ver artigo

Na Sala Tejo do Altice Arena, a apresentadora e diretora de Ficção e Entretenimento da estação de Queluz de Baixo desvendou a identidade da presidente dos 100 jurados que, a cada semana, vão avaliar cantores vindos dos quatro cantos do País. "Já chorei muito", admitiu Gisela João, explicando que a participação no formato da TVI é "um desafio".

"Sou cantora, não julgo ninguém. Gosto de pensar que sou uma advisor. Aqui, a cada concorrente que aparece, eu fico a tremer. É um desafio constante que estou a ter e que me está a engrandecer bastante", disse a fadista.

Cristina Ferreira e Gisela João
Cristina Ferreira e Gisela João créditos: TVI

Gisela João encabeça um painel de 100 figuras ligadas ao mundo do espectáculo, que incluem nomes como Rita Pereira, Pedro Teixeira, Fernanda Serrano, Cifrão, Ricardo Soler, David Gomes, Diana Monteiro, entre outras figuras públicas. Uma oportunidade, como explica Cristina Ferreira, para os artistas das mais diversas áreas também terem visibilidade, numa altura em que muitos estão privados da sua atividade normal. "Muito estão ligados ao espectáculo o que, infelizmente, nos facilitou a vida, porque eles estão sem trabalho", salienta a mestre de cerimónias de "All Together Now".

Desde que foi anunciado, "All Together Now" tem estado envolvido em polémica, devido à logística humana que requer (as gravações envolvem cerca de duas centenas de pessoas). A TVI viu-se obrigada, há duas semanas, a esclarecer que o formato cumpre as regras impostas pelas autoridades sanitárias, tendo também divulgado o Plano de Contingência seguido pela produção.

"As atividades televisivas não foram proibidas, aqui e no mundo inteiro. Estão a ser cumpridas todas as regras, os jurados são testados todas as vezes que aqui entram. Até agora não houve nenhum caso a assinalar", salientou Cristina Ferreira, acrescentando ainda que a televisão, neste momento que atravessamos, "é essencial para a saúde mental".

Questionada sobre se está preocupada com as críticas que poderão advir da visão de um formato onde, num espaço fechado, vai estar uma centena de pessoas, Cristina garante que a "a perceção vai ser extraordinária". "Temos a certeza absoluta que este é um programa que pode aliviar muito as pessoas que estão em casa", afiança a apresentadora.

"All Together Now" chega em março à TVI e irá enfrentar um adversário de peso. "Hell's Kitchen", o reality show conduzido por Ljubomir Stanisic, deve estrear ainda durante o mês de fevereiro. O que não amedronta Cristina Ferreira. "Eu sei que tenho um produto extraordinário. Tendo em conta o que conheço do Ljubomir, será também um registo extraordinário. Não mudei uma vírgula neste programa porque do outro lado ia ter o Ljubomir", garante. No final da conferência de imprensa, a apresentadora deixa outra certeza: que, em "All Together Now", o público a vai ouvir cantar.

Subscreva a newsletter da MAGG.
Subscrever

As coisas MAGGníficas da vida!

Siga a MAGG nas redes sociais.

Não é o MAGG, é a MAGG.

Siga a MAGG nas redes sociais.

Fale connosco

Se encontrou algum erro ou incorreção no artigo, alerte-nos. Muito obrigado.