Depois de uma emissão intensa e cheia de desafios inesperados, o chef mais temido da televisão nacional escolheu Ana Sofia para abandonar o programa.

"Hell's Kitchen". O drama do ovo estrelado, um Lucas matreiro e a surpresa de Diogo
"Hell's Kitchen". O drama do ovo estrelado, um Lucas matreiro e a surpresa de Diogo
Ver artigo

A pastora e queijeira foi considera o "elo mais fraco da equipa" vermelha  de Hell's Kitchen" que, após perder o confronto com a equipa azul, teve de nomear três concorrentes para expulsão. Daniela da Silva, que esteve no comando da cozinha das mulheres, considerou ter feito um mau trabalho como líder e autonomeou-se, a ela juntou-se ainda Ana Cristina e Ana Sofia, tendo sido a última a escolhida pelo chef para abandonar o programa.

"Dou-te gratidão e parabéns, em primeiro lugar, por teres entrado com pouca experiência, de teres desempenhado o teu papel com máxima responsabilidade, mas eu tenho de escolher o elo mais fraco da equipa", justificou Ljubomir Stanisic, desejando muita sorte à pastora.

Até agora, o programa da SIC perdeu já dois cozinheiros: Ana Sofia, da equipa vermelha, e Raúl, da equipa azul. Em jogo continuam 14 concorrentes e a MAGG quer saber qual a opinião dos leitores sobre quem deverá ser o expulso na próxima emissão.

Responda à sondagem aqui. 

A equipa vermelha é atualmente composta por Ana Cristina, 54 anos, Rute, 41, Francisca, 29, Daniela, 28, Cândida, 39, Jennifer, 31, e Rafaela, 26 anos. Já a equipa azul conta ainda com os cozinheiros Hélder, 32 anos, Ricardo e Rafael , ambos com 20 anos, Diogo, 36, Lucas, 30, João, 28, e António Pedro, 26.

Subscreva a newsletter da MAGG.
Subscrever

As coisas MAGGníficas da vida!

Siga a MAGG nas redes sociais.

Não é o MAGG, é a MAGG.

Siga a MAGG nas redes sociais.

Fale connosco

Se encontrou algum erro ou incorreção no artigo, alerte-nos. Muito obrigado.