"Estou há mais de um mês nomeada e sempre que o Ricardo tem oportunidade de poder fazer alguma coisa para me tirar da chapa [por ser líder], não lhe dão absolutamente nada", comentou Joana com Bruno e Rafael, após a última gala do "Big Brother", 14 de novembro.

Em conversa com Fábio, não conteve as lágrimas e mostrou-se indignada com os resultados das nomeações, sublinhando intenções de desistir do jogo. "Garanto-te aqui que se tu soubesses as coisas todas, ias estar tão passado quanto eu", afirmou a jovem do Seixal. "Parece-me que estão a gozar com a minha cara". O concorrente de Alfragide tentou demovê-la da ideia de abandonar a casa e aconselhou-a a conversar com o soberano.

No confessionário, desabou em choro e anunciou que queria desistir. Confessou-se "exausta" e assumiu ter passado dos limites, quando se exaltou, durante e após a gala, ao ver a sua intimidade com Ricardo exposta. "Posso começar por dizer que quero que me abra a porta para eu me ir embora", pediu ao Big Brother, ressalvando que sabia que seria, novamente, nomeada. "O Ricardo, quando é líder, não consegue tirar-me da porcaria das nomeações, nem sequer ter essa oportunidade. Não dá, neste momento não dá. (...) Estou exausta. Os meus limites andam a ser testados há muito tempo."

Joana ficou indignada com Rita e Débora — que apelidou de mentirosas — por, em direto, na noite de domingo, 14, a acusarem de fazer muito barulho com Ricardo à noite, debaixo dos lençóis. No segmento da Cadeira Quente, de lágrimas nos olhos, exaltou-se: "Tu tens noção daquilo que vocês [Débora e Rita] acabaram de pôr aqui? Vocês acabaram de me pôr em frente a um País inteiro, a dizer se eu faço ou não faço sexo com o Ricardo."

"Temos tido bastante respeito, temos sempre cuidado com barulho, com seja o que for. E atenção, isto é muito mau estar aqui a ser exposta a nossa intimidade. Eu sei que estamos num programa de televisão, mas aqui ninguém anda a saltar por cima das camas, a fazer posições malabaristas para que toda a gente veja e barulhos que não deixam ninguém dormir. Isso não acontece aqui, nós não somos desrespeitadores", afirmou a concorrente, durante a gala do "Big Brother".

Ainda durante a reunião pós gala, Joana e Ricardo mostraram-se confusos com a nomeação da jovem, dado que houve mais concorrentes com igual número de votos. O comissário de bordo questionou o anfitrião da casa se não teria havido um erro, mas este negou, sem mencionar a votação express dos portugueses, na qual Bruno e Fábio foram salvos.

As imagens de Joana no confessionário foram transmitidas durante o "BB Extra" de segunda-feira, 15 de novembro. Para A Pipoca Mais Doce, "eles querem ter o proveito, mas, depois, não querem a fama daquilo que fazem dentro da casa e não querem que o tema sequer seja debatido."

Andreia Filipe considera que, se Joana "se permite a fazer o amor num quarto com mais pessoas, é óbvio que ela está a abrir um espaço, um caminho, para que as pessoas se queixem e se sintam desconfortáveis". "Se calhar, era mais inteligente da parte dela ela própria não fazer tanto alarido, encaixar melhor e mudar o comportamento", ressalvou.

Subscreva a newsletter da MAGG.
Subscrever

As coisas MAGGníficas da vida!

Siga a MAGG nas redes sociais.

Não é o MAGG, é a MAGG.

Siga a MAGG nas redes sociais.

Fale connosco

Se encontrou algum erro ou incorreção no artigo, alerte-nos. Muito obrigado.