Teresa Guilherme começou a gala do "Big Brother - A Revolução" deste domingo, 6 de dezembro, com uma homenagem a Sara Carreira e Ana Garcia Martins, conhecida como A Pipoca Mais Doce também deixou as suas palavras de apoio à família. A cantora e filha de Tony Carreira morreu este sábado, 5 de dezembro, aos 21 anos, em consequência de um aparatoso acidente de viação na A1.

"É absolutamente impossível ficar indiferente a uma tragédia destas. Pessoalmente, toca-me muito. Perdi o meu único irmão precisamente com a idade da Sara e sei a dor que esta família está a passar", começou por dizer a comentadora do reality show. "É uma dor transversal. Todos nós a sentimos e desejo-lhes a maior força para conseguirem superar este momento tão difícil", acrescentou.

Mas também Teresa Guilherme quis deixar uma mensagem de força à família. "Conhecia bem a Sara, gosto muito do Tony, da Fernanda e dos manos [David e Mickael]. Devem estar devastados. Um beijinho e muita força neste momento, que é um momento inultrapassável", rematou a apresentadora

"Nunca te esqueceremos, Sara". SIC dedica tarde a homenagem de Sara Carreira
"Nunca te esqueceremos, Sara". SIC dedica tarde a homenagem de Sara Carreira
Ver artigo

Sara Carreira foi a vítima mortal do embate na A1, que envolveu quatro viaturas, e também o namorado, Ivo Lucas, foi uma das vítimas. O ator encontra-se, atualmente, em estado grave com uma fratura exposta no ombro e com lesões num dos pulmões. O também cantor foi transferido na manhã deste domingo, 6 de dezembro, do Hospital de Santarém para o Hospital Beatriz Ângelo, Loures, para poder ser operado, avançam vários meios de comunicação social.

Subscreva a newsletter da MAGG.
Subscrever

As coisas MAGGníficas da vida!

Siga a MAGG nas redes sociais.

Não é o MAGG, é a MAGG.

Siga a MAGG nas redes sociais.

Fale connosco

Se encontrou algum erro ou incorreção no artigo, alerte-nos. Muito obrigado.