Estamos todos a passar pelo mesmo: corremos sites de hotéis, de turismos de charme, vemos as melhores casas de Airbnb, tentamos escolher um destino. Mas não fazemos nada. Estamos confusos e presos ao dilema: queremos ir descansar para um sítio que não seja a nossa casa, mas não sabemos bem o que é que é o futuro.

Já o primeiro-ministro, António Costa, dizia ao Observador: os portugueses podem pensar em fazer férias, só que cá dentro. E olhe que isto até é bom. A sério: Portugal é mesmo um pequeno tesouro repleto de sítios incríveis por explorar.

Gabriel Soeiro Mendes, autor da página de viagens "Uma Foto Uma História", já passou por muitos deles. De norte a sul, do interior ao litoral, foi com a ajuda do blogger que criámos esta lista de sugestões, formada por dez destinos para fazer umas férias especiais este verão: em sítios fora do radar, aldeias, vilas, concelhos que ainda mostrem um Portugal genuíno, onde há água para mergulhos por perto, comidas saborosas e, claro, espaço para o distanciamento social. 

Craveiral. O turismo rural onde há sempre estrelas no céu e pão quente na mesa
Craveiral. O turismo rural onde há sempre estrelas no céu e pão quente na mesa
Ver artigo

Do Gerês ao Algarve, em praias de mar ou em praias fluviais, se apostar num destes sítios não se vai arrepender.

1. Gerês

geres

Comecemos pelas maravilhas do norte. Se ainda não fez férias na zona do Geres, então está na altura de explorar este parque nacional, localizado entre o Alto Minho e Trás-os-Montes. É que a vegetação exuberante, as cascatas, albufeiras, barragens — com direito a banhos —, trilhos pedestres e paisagens de cair para o lado vão lhe saber pela vida, depois de ter estado dois meses enfiado em casa, acredite. Além do mais, há espaço para continuar a respeitar o distanciamento social.

Onde ficar?

geres

Gabriel Soeiro Mendes sugere um espaço para turismo na natureza: o Parque Cerdeira, que, no coração do Gerês, se situa a poucos metros da Albufeira do Vilarinho da Furna e da Geria Romana, dois dos pontos obrigatórios. Tem bungalows T1, T2 e T2, totalmente equipados. Inclui ainda cabanas, espaço para tendas e autocaravanas. Inclui piscina e campo de jogos.

Um T1, de 2 a 3 de junho, por exemplo, tem um valor de 77€, apesar de haver um mínimo de três noites de estadia.

2. Moledo, Caminha

moledo

Mais a litoral, ainda no Minho, Gabriel Soeiro Mendes sugere a freguesia de Moledo, no concelho de Caminha. É conhecida pela sua praia, ideal para quem quer fugir do movimento mais a sul. Rica em iodo, destaca-se pelos passadiços em madeira, pelas dunas e pela Mata do Camarindo, um pinhal mandado plantar pelo rei D.Dinis, junto à praia.

Onde ficar?

moledo

Sugerimos o Rinoterra Minho, em Caminha, e a seis quilómetros da praia e a dez minutos da Vila Praia Âncora, onde há com vista para a montanha e para o rio e possibilidade de estadias em apartamentos, bungaows, quartos e suites.

Um noite num quarto duplo com vista montanha, de 29 a 30 de junho, por exemplo, tem o valor de 160€ na plataforma Booking.

3. Praia Fluvial da Congida, Freixo de Espada à Cinta

congida

Entre Miranda do Douro e Vila Nova de Foz Côa pode encontrar este pequeno paraíso, bem no interior do País. A Praia Fluvial da Congida fica na extensa albufeira formada pela Barragem de Saucelle, é rodeada pela paisagem incrível do Parque Natural do Douro Internacional — e deixa vislumbrar Espanha, logo do outro lado do rio. Está integrada num complexo de lazer, que inclui uma piscina flutuante, piscinas municipais, cais para passeios de barco que sobem o Douro.

Onde ficar?

douro

Gabriel Soeiro Mendes indica as Moradias do Douro Internacional, fica mesmo junto das costas do Douro, mesmo em frente à praia fluvial. Com vista para o rio e para o país vizinho, inclui vários apartamentos de pedra bungalows, totalmente equipados. É um ótimo destino para passar férias em família ou em casal, tendo disponível piscina, bicicletas e várias atividades aquáticas.

Um apartamento standard de 29 a 30 de junho, por exemplo, tem um valor de 105€ na plataforma Booking.

6 hotéis maravilhosos a uma hora de Lisboa
6 hotéis maravilhosos a uma hora de Lisboa
Ver artigo

4. Aldeia do Xisto do Talasnal

xisto

Claro, não podia aqui faltar um destino no famoso roteiro das 27 Aldeias de Xisto, localizadas na zona centro do País.  Tal como a do Casal Nova, a do Talasnal fica em plena Serra da Lousã, recheada de cascatas, riachos e natureza. As casas com as fachadas de xisto estão tão bem recuperadas, que passar por este destino é como fazer uma viagem ao passado, com todas as comodidades do presente: é um excelente sítio para descansar, comer bem e explorar. Com a natureza como pano de fundo, faça o trilho de seis quilómetros que percorre as encostas da Serra e que faz a ligação entre o Castelo e o Santuário da Nossa Senhora da Piedade. O Miradouro Talasnal Montanhas de Amor é paragem obrigatório para uma paisagem de cortar a respiração.

Onde ficar?

xisto

A Casa Javali é uma casa de férias com capacidade para quatro pessoas (dois quartos), com um pátio de vista para o jardim, que fica mesmo junto ao centro desta Aldeia do Xisto.

De 9 a 10 de junho, por exemplo, tem um valor de 163€ na plataforma Booking.

5. Albufeira do Castelo de Bode, Tomar 

lago azul

A Albufeira do Castelo de Bode, que se estende ao longo de 60 quilómetros — entre os concelhos de Tomar, Abrantes, Sardoal e Ferreira do Zêzere — é um dos pontos mais surpreedentes do centro do País. Esconde várias praias fluviais, com especial destaque para aquele que é conhecido como o Lago Azul, pela cor das suas águas. O nome real é a Praia Fluvial da Castanheira, finalista em 2012, no concurso das 7 Maravilhas — Praias de Portugal. Este spot inclui também uma piscina flutuante, zona extensa para estender as toalhas.

Onde ficar?

bode

O Vila Nova Nautic & Nature Hostel condiz com o mood da Lagoa Azul: um alojamento com vista privilegiada para o verde da Serra de Tomar e para as águas da Albufeira do Castelo de Bode. Inclui 11 quartos, duas camaratas e uma suite, todos com casa de banho privativa e todo o conforto necessário. Há uma piscina exterior, um terraço e serviço de bar.

De 3 a 4 de junho, por exemplo, uma noite num quarto standart para duas pessoas tem um valor de 60€.

6. São Martinho do Porto

sao martinho

Tem bons hotéis, bons restaurantes e uma praia que sobressai pela baia com forma de meio circulo perfeito. É um bom destino para ir de férias em família, porque a água do mar tende a ser calma. Fica no concelho de Alcobaça, a um hora de Lisboa.

Onde ficar?

casa da fruta

As Casas da Fruta reunem diferentes moradias (com nomes de produtos que crescem nas árvores da região), ideais para férias em família, com capacidade para quatro ou cinco pessoas. Com 80 metros quadrados, sala, cozinha e dois quartos, estão completamente equipadas e incluem varanda com churrasco. O complexo das Casas da Fruta inclui uma piscina.

Em época alta (julho a agosto), só é possível alugar as casas por semanas inteiras, por 854€, enquanto que na época baixa não há limite mínimo de estadia, sendo o preço mais baixo de 79€,

7. Amieira, Alqueva

amieira

Chegámos ao Alentejo. O Alqueva ganhou em 2019 a sua terceira praia fluvial, localizada na aldeia da Amieira, um dos destinos sugeridos por Gabriel Soeiro Mendes. Localizada no concelho de Portel esta estância de verão inclui um areal de 600 metros de comprimento, uma zona relvada, apoio de bar, balneários, bar, canoas e gaivotas.

Depois, tem a Amieira Marina, um excelente local para o turismo fluvial. Disponibiliza várias atividades no lago do Alqueva, como o aluguer de barcos, cruzeiros, refeições no restaurante panorâmico ou atividades desportivas, como stand up paddle, bóia de tracção, wakeboard, sem esquecer, claro, a observação de estrelas naquela que é a zona de Portugal mais indicada para esta prática. Não deixe de visitar o castelo de Portel.

Onde ficar?

casas do lago

A Aldeia do Lago é um composto de casas tradicionais restauradas, com paredes caiadas, vigas em madeira à vista e camas de ferro forjado. A 100 metros do Lago do Alqueva e a três quilómetros da marina, o pequeno-almoço é servido em cada alojamento, que inclui também cozinha equipada. Têm capacidade para receber entre duas a cinco pessoas.

De 1 a 2 de julho, por exemplo, uma noite numa casa com um quarto, e capacidade para três pessoas (cama de casal e sofá cama), custa 100€ na Booking.

8. Praia Fluvial de São Domingos, Mértola

mina

Um verdadeiro segredo do Alentejo mais profundo. Localizado no concelho de Mértola, a chegada à aldeia da Mina de São Domingos é verdadeiramente surpreendente, porque é de repente que percebemos que ao nosso lago está um extensíssimo lago de águas calmas. A Praia Fluvial é perfeita para famílias, com excelentes apoios, desde bar a casa de banho, balneários ou parque de merendas. Aproveite para visitar a antiga Mina de São Domingues — o seu Instagram vai adorar.

Onde ficar?

mina

O Hotel São Domingos (quatro estrelas) fica inserido no Parque natural do Vale do Guadiana, a oito minutos a pé da aldeia da Mina de São Domingues. Os quartos estão equipados com ar condicionado e muitos têm vista sobre as águas da praia fluvial. Inclui piscina.

De 1 a 2 de julho, por exemplo, uma noite num quarto twin custa 73€ na Booking.

9. Odeceixe, Aljezur

odeceixe

Já estamos no Algarve, mas ainda sentimos o sabor do Alentejo. Com fronteira mesmo junto ao simpático concelho de Odemira, estamos na reta final da famosa Costa Vicentina. Com acesso ao Atlântico e à ribeira, é um destino de férias incrível para fazer praia (em 2019, a European Best Destinations considerou a praia de Odeceixe uma das jóias escondidas e destinos secretos de Portugal).

Mas não se tem de cingir a esta escolha: uma das vantagens de fazer férias aqui é que pode, de dia para dia, ir explorando os outros areais vicentinos do país.

Onde ficar?

odeceixe

As Casas dos Moinho ficam junto ao Moinho de Vento de Odeceixe proporcionando aos hóspedes a experiência do turismo de aldeia. As casas ficam dispersas pela antiga aldeia, conservando a imagem típica dos sítios brancos. Caiadas a branco, com apontamentos azuis e vermelho, no interior prometem oferecer todo o conforto necessário. Tem oito casas suite, seis quartos duplos e uma suite junior.

De 1 a 2 de julho, por exemplo, uma noite num quarto duplo custa 130€.

Teima SW. O turismo rural perfeito onde não encontrámos um único defeito
Teima SW. O turismo rural perfeito onde não encontrámos um único defeito
Ver artigo

10. Burgau, Lagos

burgau

Um pouco mais abaixo, fica esta vila de pescadores, no concelho de Vila do Bispo, em Lagos, cuja rua principal vai dar ao extenso areal, cercado por falésias e que funciona também como porto piscatório. Ao final da tarde, depois de um dia de banhos de mar e de sol, assista ao regresso dos barcos à praia e vá petiscar ao centro da vila. Há lá plano melhor do que este?

Onde ficar?

alma

O AlmaVerde Village&Spa é um complexo que, além de um spa, inclui várias moradias totalmente equipados e com piscina privativa aquecida incluída. A estadia mínima é de três noites.

De 1 a 4 de julho, por exemplo, o valor numa moradia com três quartos é de 567€, ou seja, de 189€ por noite.

Newsletter

A MAGG é uma revista digital pensada para mulheres e focada nas preocupações centrais da vida de cada uma. Falamos de tudo o que está a acontecer de forma descontraída mas rigorosa.
Subscrever

Notificações

A MAGG é uma revista digital pensada para mulheres e focada nas preocupações centrais da vida de cada uma. Falamos de tudo o que está a acontecer de forma descontraída mas rigorosa.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.

Fale connosco

Se encontrou algum erro ou incorreção no artigo, alerte-nos. Muito obrigado.