Ainda que uma boa parte da população em Portugal esteja de quarentena, há quem não possa ficar em teletrabalho ou mesmo quem tenha de continuar a trabalhar em lojas, cafés, centros comerciais, enquanto os mesmos não forem encerrados — algo que é vontade de vários lojistas que expressaram a revolta este domingo, 15 de março, num protesto contra a abertura de portas dos estabelecimentos.

COVID-19. Lojistas do Almada Forum aplaudem clientes que passam nos corredores em forma de protesto
COVID-19. Lojistas do Almada Forum aplaudem clientes que passam nos corredores em forma de protesto
Ver artigo

Muitas destas pessoas deslocam-se de transportes públicos para os postos de trabalho, mas em tempos de pandemia também neste setor vão ser aplicadas medidas de segurança para a saúde. Começando pela ação de limpeza e desinfeção de comboios e estações a 14 de março, na estação de Telheiras, segue-se a aplicação de um Plano de Contingência, tal como anunciado no site do "Metro Lisboa" este domingo, 15.

Este vai no sentido das instruções da Direção-Geral da Saúde (DGS) de forma a proteger colaboradores e clientes.

No que diz respeito aos clientes, vão passar a ter acesso a informação, quer nas carruagens, quer na plataformas digitais, sobre as formas de prevenção e higiene que devem tomar. E é precisamente a higiene outro dos pontos do Plano, já que vai ser mais rigorosa nas carruagens. Revelamos todas as medidas:

  • Divulgação das medidas preventivas e de reforço de higiene através da afixação de cartazes no interior das carruagens, meios digitais e mensagens sonoras e escritas na rede de Metro;
  • Metropolitano de Lisboa implementou a circulação com comboios de seis carruagens em todas as linhas durante todo o horário de exploração, sete dias por semana.
  • Definição, instalação e equipamento de zonas de isolamento nas estações de acordo com todas as normas e indicações emanadas pela DGS;
  • Reforço de limpeza nas estações com desinfeção das áreas físicas de maior contacto manual designadamente máquinas de venda de títulos, corrimãos, puxadores e elevadores. A limpeza é efetuada das 7 às 23 horas, com ações de reforço de desinfeção das 9 às 18 horas, sete dias dias por semana;
  • Reforço da limpeza diária no interior dos comboios;
  • Reforço da ventilação nas estações e comboios;
  • Redução e/ou suspensão do número de eventos previstos realizar nas estações;
  • Encerramento do “Espaço Bebé” da estação Alameda;
  • Encerramento das instalações sanitárias existentes nas estações Marquês de Pombal, São Sebastião, Campo Grande, Terreiro do Paço, Aeroporto, Oriente e Rossio.
  • COVID-19. Pedro Simões é um dos infetados e alerta: "A situação vai ficar muito mais grave nas próximas semanas"
    COVID-19. Pedro Simões é um dos infetados e alerta: "A situação vai ficar muito mais grave nas próximas semanas"
    Ver artigo

No que diz respeito aos colaboradores, também estes estão sujeitos a medidas extraordinárias, como é o caso do "levantamento e identificação dos trabalhadores cuja situação clínica possa ser considerada como grupo de risco", o "reforço de limpeza nos locais administrativos, zonas comuns e equipamentos" e ainda, tal como para os clientes, a implementação de uma zonas de isolamento para apoio aos colaboradores da empresa.

Newsletter

A MAGG é uma revista digital pensada para mulheres e focada nas preocupações centrais da vida de cada uma. Falamos de tudo o que está a acontecer de forma descontraída mas rigorosa.
Subscrever

Notificações

A MAGG é uma revista digital pensada para mulheres e focada nas preocupações centrais da vida de cada uma. Falamos de tudo o que está a acontecer de forma descontraída mas rigorosa.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.

Fale connosco

Se encontrou algum erro ou incorreção no artigo, alerte-nos. Muito obrigado.