Hilaria Baldwin reagiu ao "trágico acidente", esta segunda-feira, 25 de outubro, quatro dias depois de o marido ter disparado acidentalmente sobre a diretora de fotografia, na passada quinta-feira, 21, durante as gravações do filme "Rust", que estavam a decorrer no Novo México.

A mulher do ator de 63 anos recorreu às redes sociais, esta segunda-feira, 25, para deixar uma mensagem na qual lamenta a morte de Halyna Hutchins e apoia o marido, Alec Baldwin.

"O meu coração está com a Halyna, o seu marido, filho, família e todos os que a amam. E com o meu Alec", começou por escrever.

Alec Baldwin dispara acidentalmente e mata diretora de fotografia de filme
Alec Baldwin dispara acidentalmente e mata diretora de fotografia de filme
Ver artigo

"Diz-se 'não há palavras' porque é impossível expressar o choque e a angústia perante um acidente tão trágico. Desgosto. Perda. Apoio", rematou.

Na mesma publicação, foram várias as celebridades que fizeram questão de reagir ao desastre. "Os nossos corações estão partidos", escreveu Leslie Jordan. "A enviar amor", comentou Rosie O’Donnell.

De acordo com o relatório das autoridades, divulgados pelo jornal "Los Angeles Times", o ator norte-americano estava alegadamente a ensaiar uma cena em que teria de apontar a arma diretamente para a câmara.

Caso Alec Baldwin. Equipa do filme queixa-se de problemas de segurança das armas
Caso Alec Baldwin. Equipa do filme queixa-se de problemas de segurança das armas
Ver artigo

A pistola, que deveria conter uma bala de "salva", foi dada como segura pelos assistentes de realização, estava carregava com munições reais. Um disparo acidental revelou-se fatal para a diretora de fotografia, Halyna Hutchins, e feriu o realizador, Joel Souza, durante as gravações do filme "Rust", no Novo México.

Até ao momento, a polícia não fez quaisquer detenções relacionadas com o acidente, mas não descarta a possibilidade de vir a formalizar acusações, caso se justifique. A investigação criminal continua em curso e as testemunhas ainda estão a ser ouvidas.

Depois da tragédia, Alec Baldwin adia futuros projetos

Uma fonte anónima revelou, em declarações à revista "People", que o ator já cancelou futuros projetos. Alec Baldwin vai "tirar um tempo para si e para se reencontrar".

"É assim que ele [Alec Baldwin] lida com situações difíceis. Sempre que alguma coisa má acontece, afasta-se do olhar público", acrescenta a mesma fonte.

Alec Baldwin. Assistente responsável por arma já terá sido alvo de outras queixas
Alec Baldwin. Assistente responsável por arma já terá sido alvo de outras queixas
Ver artigo

O ator foi visto no passado sábado, 23, num hotel em Santa Fe, nos Estados Unidos, junto do marido e do filho da vítima, noticia o New York Post. Halyna Hutchins tinha 42 anos. Era casada com Matthew Hutchins, com quem teve um filho, Andros, de nove anos.

Alec Baldiwn também reagiu ao acidente, na passada sexta-feira, 22, através das suas redes sociais.

"Não há palavras que possam transmitir o meu choque e tristeza sobre o trágico acidente que tirou a vida a Halyna Hutchins, uma esposa, mãe e colega nossa que tanto admirávamos", escreveu o ator de 63 anos no Twitter, na passada sexta-feira, 22.

"Estou a cooperar completamente com a investigação policial para verificar como é que esta tragédia aconteceu e estou em contacto com o marido [de Halyna Hutchins], a oferecer o meu apoio, tanto a ele como à sua família. O meu coração está partido pelo marido dela, o filho deles, e todos os que conheciam e amavam a Halyna", acrescentou na mesma publicação.

Subscreva a newsletter da MAGG.
Subscrever

As coisas MAGGníficas da vida!

Siga a MAGG nas redes sociais.

Não é o MAGG, é a MAGG.

Siga a MAGG nas redes sociais.

Fale connosco

Se encontrou algum erro ou incorreção no artigo, alerte-nos. Muito obrigado.