Era um dos poucos países do mundo que se tinha resguardado totalmente do novo coronavírus. Ate que, esta segunda-feira, 11 de janeiro, as autoridades sanitárias dos Estados Federados da Micronésia registaram o primeiro infetado desde o início da pandemia.

Em março de 2020, quando o surto de COVID-19 foi declarado pandemia, a Micronésia, país insular localizado no Pacífico (e que inclui ilhas como Pohnpei, Cuuk ou Yap ) impôs as restrições mais severas de mundo, tendo, inclusivamente, proibido a entrada a visitantes que viessem de um países onde houvesse apenas um caso positivo confirmado. 

Baralhado com as regras? O Pandemia Clara diz-lhe todas as restrições por dia e concelho
Baralhado com as regras? O Pandemia Clara diz-lhe todas as restrições por dia e concelho
Ver artigo

O primeiro caso de COVID-19 terá tido origem num navio governamental, que tinha sido enviado para as Filipinas para ser reparado. David Panuelo, presidente da Micronésia, informou que o doente e a tripulação continuam no barco. Considera a notícia do primeiro infetado "alarmante", apelando, assim, aos cidadãos que "devem manter a calma".

Newsletter

A MAGG é uma revista digital pensada para mulheres e focada nas preocupações centrais da vida de cada uma. Falamos de tudo o que está a acontecer de forma descontraída mas rigorosa.
Subscrever

Notificações

A MAGG é uma revista digital pensada para mulheres e focada nas preocupações centrais da vida de cada uma. Falamos de tudo o que está a acontecer de forma descontraída mas rigorosa.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.

Fale connosco

Se encontrou algum erro ou incorreção no artigo, alerte-nos. Muito obrigado.