"Praxx", a série da OPTO inspirada nos acontecimentos na Praia do Meco, em dezembro de 2013 (que culminaram na morte de seis jovens universitários), só se estreia na próxima sexta-feira, 9 de setembro, mas a chegada da produção já está a causar polémica.

“Não conseguimos perceber como é que é possível realizar uma série, alegadamente, baseada na tragédia do Meco sem contactar os pais dos jovens falecidos", explicou o advogado das famílias das vítimas, Vítor Parente Ribeiro, ao "Jornal de Notícias".

Tragédia da praia do Meco dá origem a série. "Praxx" está quase a chegar à OPTO
Tragédia da praia do Meco dá origem a série. "Praxx" está quase a chegar à OPTO
Ver artigo

No entanto, do lado da produção, uma fonte ligada à plataforma de streaming da SIC afirma que existiu a preocupação de  respeitar os “familiares e a memória das vítimas da tragédia". "É inspirada em eventos reais, como o são outras formas de arte, mas sem relação com pessoas ou cenários verídicos", explicou uma fonte à mesma publicação.

Catarina Soares (22 anos), Carina Sanchez (23), Joana Barroso (22), Andreia Revéz (21), Pedro Negrão (24) e Tiago Campos (21) foram as seis vítimas desta tragédia. João Gouveia, ex-”Dux” da praxe académica da Universidade Lusófona de Lisboa (na altura com 22 anos) foi o único sobrevivente, tendo sido uma esperança para as famílias esclarecerem tudo aquilo que se passou.

Os sete jovens tinham seguido viagem a 13 de dezembro, durante a noite, para o Meco. O objetivo do fim de semana era “praxar” os seis jovens com a finalidade de subirem na hierarquia académica. João Gouveia afirmou que os afogamentos foram um acidente e que a tragédia não estava relacionada com a praxe.

A investigação dos eventos ocorridos na noite de 15 de dezembro de 2013 não conseguiu apurar a verdade sobre aquilo que aconteceu aos estudantes universitários. O último corpo acabou por ser encontrado na praia da Fonte da Telha, em Almada, a 26 de dezembro de 2013.

Porém, a justiça acabou por absolver, em outubro de 2021, a universidade e o próprio João Gouveia (de 31 anos), do pagamento de uma indemnização de mais de um milhão de euros, que tinha sido pedida pelos pais dos jovens.

“Praxx” terá 12 episódios e vai retratar a busca de Marta (personagem fictícia interpretada por Madalena Almeida), irmã de uma das vítimas, pela verdade sobre aquilo que aconteceu. Gonçalo (João Jesus), o Dux, é o único que sabe aquilo que aconteceu.

A irmã de Marta, Diana, vai ser vivida por Catarina Rebelo.O elenco conta ainda com Alexandre Jorge (Afonso), Margarida Bakker (Xana), Vera Moura (Mafalda), Jasón Fernandez (Mateo) e Diogo Mazur (Lucas).

O projeto de ficção foi criado por Ana Lúcia Carvalho e Patrícia Sequeira e produzido pela Santa Rita Filmes. Um novo episódio da série vai ser lançado todas as sextas-feiras, a partir de 9 de setembro.

As coisas MAGGníficas da vida!

Siga a MAGG nas redes sociais.

Não é o MAGG, é a MAGG.

Siga a MAGG nas redes sociais.

Fale connosco

Se encontrou algum erro ou incorreção no artigo, alerte-nos. Muito obrigado.