Carolina Deslandes falou, pela primeira vez, sobre a separação com Diogo Clemente, músico, produtor e colega, com quem teve três filhos. "Eu acho que nós fomos nos despedindo", revelou a Maria Cerqueira Gomes, no programa da TVI "Conta-me", transmitido este sábado, 16 de janeiro.

Sobre este tema, a apresentadora começou por questionar a autora do tema "A Vida Toda" sobre o facto de o ex-casal se ter tornado amigo tão rapidamente, logo após a ruptura. "Fomos nos despedindo sem consciência de que o estávamos a fazer", reforçou a cantora.

Ainda assim, salienta o facto de, mesmo que de forma pacífica, uma separação é sempre dura. "Quando tomamos a decisão, ela é inevitavelmente dolorosa, principalmente quando há filhos envolvidos". Além disso, há a questão da visibilidade pública: "Quando um divorcio é publico, as coisas que são ditas, pensas que os teus filhos vão ler."

Na raiz da decisão de se separarem terá estado um afastamento, em que cada um já não correspondia às expectativas do outro. "Tínhamos um tempo limitadíssimo a dois e quando olhámos um para o outro éramos pessoas diferentes, não nos conseguimos encontrar."

E é com essa noção que é possível "encontrar alguma paz" com a decisão. Isto porque, destaca, não é justo nenhuma das partes ter de mudar aquilo que é em prol do outro. "Nós despedimo-nos para o bem de um e para bem do outro."

Ressalva, no entanto, que continuam muito próximos. "Eu vou sempre gostar do Diogo. O Diogo é a minha família", disse a cantora." Acho que estamos os dois mais próximos do que nunca."

A proximidade acontece porque houve um ajustamento das expectativas: "Esperas coisas diferentes de um amigo e de um marido", conta. "Ajudou-nos a não cobrar tanto um ao outro, ajudou-nos a não chocarmos tanto."

Ainda assim, apesar das diferenças, mantêm as prioridades alinhadas. Carolina Deslandes aponta quatro: "Em primeiro lugar estão os nossos filhos", começa por dizer. Em segundo, diz, está o "esforço" que cada um faz para que estes possam ter a melhor vida possível. "Em terceiro lugar, o nosso amor pelo que fazemos profissionalmente", diz. "Somos a melhor  versão um do outro quando trabalhamos juntos."

"Tens medo que isso acabe?", questiona Maria Cerqueira Gomes, referindo-se ao facto de cada um poder conhecer diferentes pessoas. "Eu conheço pessoas, ele conhece pessoas, falamos sobre isso", diz, referindo que os dois falam abertamente sobre esta nova fase da vida, em que podem partir à descoberta de novas pessoas.

Carolina Deslandes ressalva que nenhum dos dois é substituível. E, apesar da separação, potenciais e novas relações serão sempre diferentes: "É outro amor, não é uma substituição", diz. "É outra história".

Por último, refere que ficará feliz quando Diogo Clemente encontrar alguém que o "trate bem", salientando que o sentimento será igual do outro lado. Até porque ele já lhe terá dito: "Eu entendo um homem que se apaixona por ti e eu entendo a felicidade que é ter-te na vida", relatou a cantora, contando ainda que o músico se terá referido a ela como sendo uma "luz". Diogo Clemente terá afirmado que, por isso, não poderia julgar alguém que se apaixonasse por ela. "Eu sinto exatamente o mesmo que ele."

Entretanto, Carolina Deslandes já reagiu à transmissão do programa no Instagram: "Obrigada @maria_cerqueira_gomes pela generosidade e pelo teu coração. Chorei em casa o que não chorei aí. Obrigada a todos pelas mensagens. Ainda estou a recuperar o fôlego."

Subscreva a newsletter da MAGG.
Subscrever

As coisas MAGGníficas da vida!

Siga a MAGG nas redes sociais.

Não é o MAGG, é a MAGG.

Siga a MAGG nas redes sociais.

Fale connosco

Se encontrou algum erro ou incorreção no artigo, alerte-nos. Muito obrigado.