Esta sexta-feira, 9 de julho, Madonna saiu em defesa de Britney Spears, juntando-se assim ao movimento #FreeBritney. "Devolvam a vida a esta mulher. A escravidão foi abolida há muito tempo! Morte ao patriarcado ganancioso que tem feito isto com as mulheres durante séculos. Isto é uma violação dos direitos humanos! Britney, estamos a chegar para te tirar desta prisão!", escreveu Madonna num story de Instagram onde se mostra vestida com uma t-shirt branca estampada com o nome de Britney Spears.

A cantora norte-americana de 39 anos perdeu recentemente uma batalha em tribunal e continua a ver a vida e património serem controlados pelo pai, James Spears.

Madonna
créditos: madonna/Instagram

Madonna e Britney Spears trabalharam juntas em 2003 na canção "Me Against the Music", que se tornou um êxito. Esta foi a forma de Madonna demonstrar o seu apoio público perante a tutela de que Britney é alvo há cerca de 13 anos.

Tribunal decide contra Britney Spears. Pai da cantora vai continuar com a tutela
Tribunal decide contra Britney Spears. Pai da cantora vai continuar com a tutela
Ver artigo

Depois de muitas tentativas de se ver livre da tutela do pai, a 30 de junho de 2021, o tribunal decidiu continuar a dar a James Spears o controlo do património da filha. "O meu pai e todos os envolvidos nesta tutela, e na sua gestão, desempenharam um papel fundamental neste meu castigo e deveriam estar presos", disse a artista em tribunal a 23 de junho, noticiou a Reuters, citada pelo "Público".

Recentemente, a cantora perdeu o agente e ainda o advogado, que aceitou exercer funções até que o tribunal atribua um novo profissional.

As coisas MAGGníficas da vida!

Siga a MAGG nas redes sociais.

Não é o MAGG, é a MAGG.

Siga a MAGG nas redes sociais.

Fale connosco

Se encontrou algum erro ou incorreção no artigo, alerte-nos. Muito obrigado.