Os amantes de comédias românticas têm um presente nas salas de cinema esta quinta-feira, 10 de fevereiro, mesmo a tempo do Dia dos Namorados. Trata-se de "Marry Me - Fica Comigo", com Jennifer Lopez no papel principal.

Na trama, JLo é Kat Valdez, uma estrela pop que descobre que o seu namorado e parceiro de palco, Bastian (interpretado por Maluma) lhe tem sido infiel. A descoberta acontece segundos antes de o casamento acontecer ao vivo e perante milhões de fãs. Num acesso de pânico, Kat decide então casar-se com um desconhecido (Charlie, interpretado por Owen Wilson) que está no meio da plateia e que, por engano, está a segurar um cartaz que diz "Casa Comigo".

Uma história em que a ficção se cruza com a realidade, ou não tivesse vivido Jennifer Lopez relações e ruturas muito públicas, além de rumores de traição ao longo dos anos. Algumas confirmadas, como na relação com Sean Combs, também conhecido P Diddy e Puff Daddy (que terminou em 2001), outras que não passaram de boatos, como o alegado envolvimento de Marc Anthony (com quem foi casada durante sete anos) com Jada Pinkett-Smith (mulher de Will Smith). E, um pouco à semelhança da mulher que interpreta na ficção, também Jennifer Lopez viu um noivado acabar pouco tempo antes do casamento. Mas essa história teria um final diferente. E feliz.

Referimo-nos à relação da atriz e cantora de 52 anos com Ben Affleck. Em 2021, 17 anos depois de terem terminado a relação, Bennifer voltava a ser sinónimo de romance. Em entrevista à "Rolling Stone", JLo confessa-se afortunada por o seu caminho se ter voltado a cruzar com o do ator. "Crescemos. Somos os mesmos, mas estamos diferentes. E é isso que é bom", começa por explicar, definindo depois "bom". "Ter uma segunda hipótese ao amor verdadeiro. Aprendemos muito. Sabemos o que é real, o que não é real. O jogo mudou", explica.

Entre 2001 e 2004, Jennifer Lopez e Ben Affleck foram o casal mais mediático do mundo, e alvo de um escrutínio impensável aos dias de hoje, mesmo na era das redes sociais. Em entrevista à "Rolling Stone", a atriz e cantora explica que foi essa pressão que acabou por destruir a relação.

É oficial! Jennifer Lopez e Ben Affleck estão mesmo juntos (e sentimos que regressámos a 2000)
É oficial! Jennifer Lopez e Ben Affleck estão mesmo juntos (e sentimos que regressámos a 2000)
Ver artigo

"Nós estávamos tão apaixonados. Foi uma das alturas mais felizes da minha vida. Mas, por outro lado, estávamos sempre a ser criticados e isso destruiu a nossa relação de dentro para fora. Nós éramos demasiado novos para, naquela altura, perceber quais eram as coisas mais importantes da vida", admite Jennifer Lopez.

Jennifer Lopez, 52 anos, é mãe dos gémeos Max e Emme, de 13 anos, frutos do casamento com Marc Anthony. Ben Affleck, de 49 anos, tem três filhos (Violet, de 16 anos, Seraphina, de 13 e Samuel, de 9), fruto do casamento com Jennifer Garner

"Marry Me - Fica Comigo" é o 31.º filme da carreira Jennifer Lopez e vem acompanhado de um álbum homónimo, o nono da carreira da cantora. JLo é ainda protagonista de "The Mother", série da Netflix que estreará ainda este ano.

As coisas MAGGníficas da vida!

Siga a MAGG nas redes sociais.

Não é o MAGG, é a MAGG.

Siga a MAGG nas redes sociais.

Fale connosco

Se encontrou algum erro ou incorreção no artigo, alerte-nos. Muito obrigado.