Se a região do Alentejo é a sua preferida no que toca a vinhos, não pode faltar ao evento que acontece já esta semana no Centro Cultural de Belém (CCB), em Lisboa. Esta sala vai acolher cerca de 70 produtores e enólogos da região alentejana, que trazem consigo mais de 450 vinhos.

Porém, ao contrário do que acontece no supermercado, não tem de ficar a olhar para as prateleiras e a imaginar como será o interior de cada garrafa, optando apenas por uma ou duas. Todas estas centenas de vinhos vão estar em prova para os visitantes do evento.

Este Natal, além de comer panettone, vai poder bebê-lo — graças a este novo (e limitado) licor
Este Natal, além de comer panettone, vai poder bebê-lo — graças a este novo (e limitado) licor
Ver artigo

Trata-se da 12.ª edição do "Vinhos do Alentejo em Lisboa", organizado pela Comissão Vitivinícola Regional Alentejana. Desta vez, pode dar uma de expert na matéria (abanar o copo, olhar para o vinho, cheirá-lo e afins) nos dias 18 e 19 de novembro, portanto, esta sexta-feira e sábado.

O evento onde se vai debater a sustentabilidade no setor vitivinícola tem início às 16 horas de sexta-feira. Nesse dia, pode "molhar o bico" até às 21 horas. No sábado começa uma hora mais cedo, sendo das 15 às 21 horas o horário no qual pode aprender a distinguir as castas alentejanas.

Por 10€ (o preço do copo reutilizável) vai poder participar nesta experiência de degustação que inclui brancos, tintos e rosés, e ficar a conhecer as novidades de produtores do Alentejo como Adega de Borba, Encosta das Perdizes, Herdade do Esporão, Adega Mayor ou Ervideira.

Às 18 horas de cada um dos dias, caso queira, pode conhecer o Programa de Sustentabilidade dos Vinhos do Alentejo (PSVA), um workshop que vai juntar os produtores com Certificação de Produção Sustentável. Além desta iniciativa, irão existir provas temáticas com debates relacionados com as particularidades destes vinhos.

As coisas MAGGníficas da vida!

Siga a MAGG nas redes sociais.

Não é o MAGG, é a MAGG.

Siga a MAGG nas redes sociais.

Fale connosco

Se encontrou algum erro ou incorreção no artigo, alerte-nos. Muito obrigado.